LETRAS.MUS.BR - Letras de músicas

Eight

Sleeping At Last

Eight

I remember the minute
It was like a switch was flipped
I was just a kid who grew up strong enough
To pick this armor up
And suddenly it fit

God, that was so long ago, long ago, long ago
I was little, I was weak and perfectly naive
And I grew up too quick

Now you won’t see all that I have to lose
And all I've lost in the fight to protect it
I won’t let you in, I swore never again
I can't afford, no, I refuse to be rejected

I want to break these bones 'til they're better
I want to break them right and feel alive
You were wrong, you were wrong, you were wrong
My healing needed more than time

When I see fragile things, helpless things, broken things
I see the familiar
I was little, I was weak, I was perfect too
Now I’m a broken mirror

But I can't let you see all that I have to lose
All I’ve lost in the fight to protect it
I can't let you in, I swore never again
I can't afford to let myself be blindsided

I'm standing guard, I'm falling apart
And all I want is to trust you
Show me how to lay my sword down
For long enough to let you through

Here I am, pry me open
What do you want to know?
I’m just a kid who grew up scared enough
To hold the door shut
And bury my innocence
But here's a map, here's a shovel
Here’s my Achilles' heel

I’m all in, palms out
I’m at your mercy now and I'm ready to begin
I am strong, I am strong
I am strong enough to let you in

I’ll shake the ground with all my might
I will pull my whole heart up to the surface
For the innocent, for the vulnerable
And I'll show up on the front lines with a purpose

And I’ll give all I have, I'll give my blood, I'll give my sweat
An ocean of tears will spill for what is broken
I’m shattered porcelain, glued back together again
Invincible like I've never been

Oito

Eu lembro do minuto
Foi como se uma chave tivesse virado
Eu era apenas uma criança que ficou forte o suficiente
Para pegar essa armadura
Que de repente coube

Deus, isso foi há muito tempo, há muito tempo, há muito tempo
Eu era pequeno, eu era fraco e perfeitamente ingênuo
E eu cresci rápido demais

Agora você não verá tudo o que tenho a perder
E tudo o que perdi na luta para proteger isso
Eu não vou deixar você entrar, eu jurei nunca mais
Eu não posso arriscar, não, eu me recuso a ser rejeitado

Eu quero quebrar esses ossos até eles ficarem melhores
Eu quero quebrá-los bem e me sentir vivo
Você estava errado, você estava errado, você estava errado
Minha cura precisava mais do que tempo

Quando vejo coisas frágeis, coisas indefesas, coisas quebradas
Eu vejo o familiar
Eu era pequeno, era fraco, também era perfeito
Agora sou um espelho quebrado

Agora você não verá tudo o que tenho a perder
E tudo o que perdi na luta para proteger isso
Eu não posso deixar você entrar, eu jurei nunca mais
Eu não posso arriscar me deixar cegar

Eu estou de guarda, estou desmoronando
E tudo que eu quero é confiar em você
Mostre-me como abaixar minha espada
Por tempo suficiente para deixar você passar

Aqui estou eu, me abra
O que você quer saber?
Eu sou apenas uma criança que cresceu com medo o suficiente
Para manter a porta fechada
E enterrar minha inocência
Mas aqui está um mapa, aqui está uma pá
Aqui está o meu calcanhar de Aquiles

Eu estou entregue, palmas para fora
Estou à sua mercê agora e estou pronto para começar
Eu sou forte, sou forte
Sou forte o bastante para deixar você entrar

Eu vou agitar o chão com toda a minha força
Eu vou puxar todo o meu coração para a superfície
Para os inocentes, para os vulneráveis
Eu vou aparecer nas linhas de frente com um propósito

E eu vou dar tudo o que tenho, vou dar o meu sangue, vou dar o meu suor
Um oceano de lágrimas se derramará pelo que está quebrado
Eu sou porcelana quebrada, colada novamente
Invencível como eu nunca estive

Composição: Ryan O'Neal
Enviada por Vitória, Traduzida por Cherno