Zakurogata No Yuuutsu

the GazettE

Original Tradução Original e tradução
Zakurogata No Yuuutsu

Naite naite nakiyandara egao no mama de iyou
Naite naite egao kuretara boku no soba ni zutto

Madobe kara sasu
Asahi ga itsumo
Chigaku mieta

Ki ga omoi no wa
Saki ga mieta ka ra darou

Kabin ni yureru
Mimai no hana ga
Kareru koro wa

Kimi o nokoshi
Subete o sutete dokoka tooku e

Kimi wa itsumo
Hagemasu you ni fuzakete mite

Akaruku sagashi jibun no koto yori mo boku o

Tsurai desho konna sugata wo miteru no wa
Tsukareta to sunao ni ieba ii no ni

Kimi wa you na kao hitotsu sezu tada yasashikute
Boku o dakishimete naite kureta

Ikitai yo
Shi ni takurenai omou tabi namida wa kobore
Ikitai yo
Kimi no tame ni nani hitotsu shite ageretenai

Shibaraku nete shimatteta you da
Tonari ni wa kimi no kaori dake ga nokotte
Nandaka munasawagi ga shitetan'da
Fuan ga komiageru

Soshite hi wa tachikaeri matsu boku ni todoita
Ichimai no [memo] wa kimi kara de
Shirusareteta jijitsu ni kotoba nakushi
Kowareta you ni naki sakenda

Naite naite nakiyandara egao no mama de iyou
Naite naite egao kuretara boku no soba ni zutto

Boku no naka de kimi wa itsumo
Mimamotte fureteru n'da ne

Me o tojite kimi o omoeba
Egao datte wasurenai yo ne

Kore kara mo zutto
Onaji keshiki o mitsuzukete ikite yukou

Madobe kara sasu asahi to kaze ni fukare nemurou

Zakurogata No Yuuutsu (Tradução)

Chore, chore, quando parar de chorar vamos dizer com um sorriso
Chore, chore, quando me der um sorriso
Fique do meu lado para sempre

O sol da manhã que bate na janela sempre parecia diferente
O ar é pesado porque provavelmente você ja viu
No vaso balança a flor de visita no tempo que murchou
Vcoê joga tudo o que sobrou fora para algum lugar longe
Você sempre brincava como se tivesse coragem
Toca brilhantemente você comparada a mim...
É dificil? vendo desta forma
Se cansar diga sinceramente
Você não faz uma cara de que não gosta, simplismente é amavel
Você me abraçou e chorou

Eu quero viver
Eu não quero morrer, quando penso lagrimas caem
Eu quero viver
Por você, eu nao vou te fazer nada

Você parecia dormir depois de um tempo
Ao meu lado sobrou apenas o seu cheiro
Senti um pressentimento
Surge uma insegurança

E assim os dias passaram e eu esperei voltar
Chegou um bilhete seu que nao estava escrito nada
Como se fosse quebrar lamentei

Chore, chore, quando parar de chorar
(desculpe se fiz coisas egoistas)
Vamos dizer sorrindo
(eu so queria te ajudar)
Chore, chore, quando você me der um sorriso
(eu vou morrer por você)
Fique do meu lado para sempre
(isso é a minha felicidade...)
Dentro de mim eu sempre te protegi
Quando fecho os olhos e penso não esqueço do sorriso
A partir de agora para sempre vou continuar
Vendo a mesma paisagem
Vamos dormir sobre o sol da manhã e do vento que sopra
(mesmo se nós dois não acordamos mais)

Composição: Gazette
Enviada por Eduardo. Legendado por Ryuzaki. Revisões por 2 pessoas.
Viu algum erro? Envie uma revisão.

Posts relacionados

Ver mais no Blog


Mais músicas de the GazettE

Ver todas as músicas de the GazettE