Carry Me Ohio

Sun Kil Moon

Original Tradução Original e tradução
Carry Me Ohio

Sorry that
I could never love you back
I could never care enough
In these last days

Her tears
Fell on her pages found me out
On her words I dont know what
To do or say

Wading through
Warm canals and pools clear blue
The Tuscarawas flows into
The prairie land

Riding back
To where the highway met
Dead end tracks
The ground is now cement and glass
And far away

Heal her soul, carry her, my angel, Ohio

Lingering in
What about the sweetness we knew
What about what's good what's true
From those days

Can't count to
All the lovers I've burned through
So why do I still burn for you
I cannot say

Sorry that
I could never love you back
I could never care enough in these last days

Heal her soul, carry her, my angel, Ohio

Children blush
And gather round the home she rests
So poor and gold with their midwest
Moon and Sun

Flashes bringing on
My open eyes the lightning storm
The tortured mist felt soft, felt warm
On my face

Craving dreams
A million miles ago you see
And the star that I just dont see
Anymore

Words long gone
Lost on journeys we walked on
Lost are voices heard along the way

Sorry for
Never going by your door
Never feeling love like that
Anymore

Heal her soul, carry her, my angel, Ohio

Me Carregue Ohio

Me desculpe por
Eu nunca ter te amado de volta
Eu nunca ter me importado o suficiente
Nestes últimos dias

Suas lágrimas
Caíram sobre suas páginas e me encontraram
Em suas palavras e eu não sei o que
Fazer ou dizer

Vagando por
Canais quentes e piscinas cristalinas
Onde o Tuscarawas deságua
A terra da pradaria

Voltando atrás
Para onde a estrada encontra
Ruas sem saída
O chão agora é de cimento e vidro
E está bem longe

Cure sua alma, leve-a, meu anjo, Ohio

Prolongando-se
O que houve com a doçura que conhecíamos?
O que houve com o que é bom e verdadeiro?
Daqueles dias

Já não posso contar
Todos os amores que já tive
Então porque eu ainda queimo por você?
Eu não sei dizer

Me desculpe por
Eu nunca ter te amado de volta
Eu nunca ter me importado o suficiente nestes últimos dias

Cure sua alma, leve-a, meu anjo, Ohio

Crianças ficam envergonhadas
E se reúnem em volta da casa onde ela descansa
Pobre e dourada com sua
Lua e seu Sol do meio oeste

Flashes trazendo a
Meus olhos abertos a tempestade com raios
A névoa torturada me pareceu macia, senti calor
Em meu rosto

Ansiando por sonhos
Um milhão de milhas atrás, você vê
E a estrela que eu simplesmente não vejo
Mais

Palavras idas há tempo
Perdidas em viagens nós passamos
Perdidas são as vozes ouvidas ao longo do caminho

Me desculpe por
Nunca ter passado pela sua porta
Nunca mais ter sentido amor
Daquele jeito

Cure sua alma, leve-a, meu anjo, Ohio

Composição: Mark Kozelek / Sun Kil Moon
Enviada por Vinicius e traduzida por Lucca.
Viu algum erro? Envie uma revisão.

Dicionário de pronúncia

Ver mais palavras

Posts relacionados

Ver mais no Blog


Mais músicas de Sun Kil Moon

Ver todas as músicas de Sun Kil Moon