Sakura Mitsutsuki

SPYAIR

Original Tradução Original e tradução
Sakura Mitsutsuki

haru no yoru hitori datta
monokuro no sora ni tameiki ga kiete ku
ashibayana hito no nami
tada mitsumete sa
zutto matte ita nda

sakura hira ite mo
mada samui yoru ni wa
omoidasu nda kimi no kao o
heikina no? daijoubu sa
fuzakete te o furu boku
ano hi kimi to kawashita yakusoku

bokura wa bokura wa
ano kaketa tsuki no hanbun o sagashite
kodoku o wakeau koto ga dekita nara
mouichido chikau yo

shikakui benchi suwari
bon'yari nagameru sora
omoidasu nda kinou no you ni
sasayaka na egao sasaina iiai mo
dore dake boku o tsuyoku saseta darou

are kara are kara
ano kaketa tsuki no hanbun o sagashite
itsuka wa itsuka wa
sakura no hanasaku mangetsu no moto e to

utsurikawaru machinami bokura
sekasu you kimi wa ima doko de nani o shiteru no
sorenari no kurashi sorenari no shiawase
soredemo (soredemo) mada oikaketeru

bokura wa bokura wa
ano kaketa tsuki no hanbun o sagashite
kodoku o wakeau koto ga dekitanara
mouichido

are kara are kara
ano kaketa tsuki no hanbun o sagashite
itsuka wa itsuka wa
sakura no hanasaku mangetsu no moto e to

Cerejeira Lua de Mel

Estava sozinho na noite de primavera
No céu preto e branco o suspiro vai sumindo
A onda de pessoas com passos rápidos
Apenas observava isso
Sempre estive esperando

Mesmo que a cerejeiras floresçam
Em noites ainda frias
Me lembro de seu rosto
Está tudo bem? Não se preocupe
Brincando, aceno com as mãos
A promessa que fiz com você naquele dia

Nós estamos, nós estamos
Procurando aquela metade que falta da lua
Se conseguisse dividir a solidão
Novamente irei jurar a você

Sentei em um banco quadrado
Admiro o céu distraidamente
Me lembro como se fosse ontem
Seu sorriso suave e até as discussões banais
O quanto isso deve ter me deixado forte?

Desde então, desde então
Estamos procurando aquela metade que falta da lua
Algum dia, algum dia
Irei para a lua cheia, onde as cerejeiras florescem

A vista da cidade que vai mudando parece que nos apressa
Onde você está agora e o que está fazendo?
Uma vida suficiente, uma felicidade suficiente
Mesmo assim (mesmo assim) ainda estou perseguindo

Nós estamos, nós estamos
Procurando aquela metade que falta da lua
Se conseguisse dividir a solidão
Novamente

Desde então, desde então
Estamos procurando aquela metade que falta da lua
Algum dia, algum dia
Irei para a lua cheia, onde as cerejeiras florescem

Enviada por brunin e traduzida por mochan_arashi. Legendado por Bren e mochan_arashi. Revisões por 3 pessoas.
Viu algum erro? Envie uma revisão.

Posts relacionados

Ver mais no Blog


Mais músicas de SPYAIR

Ver todas as músicas de SPYAIR