Asas No Fundo Do Azul

Ilessi

No caso d'eu esquecer me lembra
De inventar o fogo pra poder queimar
As folhas secas dos outonos
Que aos pés de seus donos
Não saem do lugar

No caso de eu me esquecer me lembra
De inventar a roda pra poder seguir
Atrás de um tempo diferente
Onde enfim a gente tenha pra onde ir

No caso d'eu não saber me ensina
Senha repentina de abracadabra em flor
Pra que se abra o amor

No caso de eu não poder me abraça
Sem graça de achar graça do sonho de voar
Por as asas no ar e batê-las no fundo do azul

Asas cristalinas leves de se ver
E ainda mais lindas vindas de você
Asas cristalinas leves de se ver
E ainda mais lindas vindas de você

Asas cristalinas leves de se ver
E ainda mais lindas vindas de você
Asas cristalinas leves de se ver
E ainda mais lindas vindas de você

No caso d'eu não saber me ensina
Senha repentina de abracadabra em flor
Pra que se abra o amor

No caso de eu não poder me abraça
Sem graça de achar graça do sonho de voar
Por as asas no ar e batê-las no fundo do azul

Asas cristalinas leves de se ver
E ainda mais lindas vindas de você
Asas cristalinas leves de se ver
E ainda mais lindas vindas de você

Asas cristalinas leves de se ver
E ainda mais lindas vindas de você
Asas cristalinas leves de se ver
E ainda mais lindas vindas de você

Composição: Manduka
Enviada por Beatriz.
Viu algum erro? Envie uma revisão.

Posts relacionados

Ver mais no Blog


Mais músicas de Ilessi

Ver todas as músicas de Ilessi