El Universo Entre Tus Ojos

David Rees

Original Tradução Original e tradução

Tradução automática via Google Translate

El Universo Entre Tus Ojos

Constelaciones hechas de pecas
Adornan la Tierra entre dos planetas
En el cielo

Sobrevuelan un par de cometas
Como astronauta en esta misiva
Sé que hay agujeros negros en tus pupilas
Y atrapan

A todo el que mira
Me deslizo por el tobogán de tu nariz
Y caigo en el cráter que se te forma cuando estás feliz
Aterrizajes de emergencia en tu piel
Para comprobar que todo sigue bien
En el universo entre tus ojos floto yo
En mi nave espacial, solo en mi misión

Pero estás a años luz
No sé si llega la señal
O si solo soy
Una estrella fugaz
Tus arrugas de cuando te enfadas
Las anillas de esta galaxia
Tu cerebro

Un satélite bajo tus gafas
Y el pelo que a veces se escapa
Entre tus marcas de polvo de hadas
Soy Peter Pan
¿Tú nunca jamás?

De tus pestañas ya no me caigo
Y si lo hago la gravedad
Siempre me devuelve a ti
Un destello de luz, una bola de fuego
Un eclipse lunar, cada vez que no te veo

En el universo entre tus ojos floto yo
En mi nave espacial, solo en mi misión
Pero estás a años luz
No sé si llega la señal
O si solo soy

Una estrella fugaz
Mercurio me advierte de tu calor
Marte presume tener tu corazón
Venus y Júpiter hasta Plutón

Me dicen que vuelva a la Tierra o pierdo el control
Si solo soy una estrella fugaz
Pide un deseo y déjame en paz
Sé que no lo harás
No habrá Big Bang

O Universo Entre Seus Olhos

Constelações feitas de sardas
Eles adornam a Terra entre dois planetas
No céu

Eles voam sobre algumas pipas
Como um astronauta nesta carta
Eu sei que existem buracos negros em suas pupilas
E eles pegam

Para todo mundo que olha
Eu deslizo para baixo a lâmina do seu nariz
E eu caio na cratera que se forma quando você está feliz
Aterragens de emergência na sua pele
Para verificar se está tudo bem
Eu flutuo no universo entre seus olhos
Na minha nave, sozinho na minha missão

Mas você está a anos luz de distância
Não sei se chega o sinal
Ou se eu sou apenas
Uma estrela cadente
Suas rugas de quando você fica com raiva
Os anéis desta galáxia
Seu cérebro

Um satélite sob seus óculos
E o cabelo que às vezes escapa
Entre suas marcas de poeira de fada
Eu sou peter pan
Você nunca, nunca?

Eu não caio mais de seus cílios
E se eu fizer gravidade
Isso sempre me traz de volta para você
Um flash de luz, uma bola de fogo
Um eclipse lunar, toda vez que eu não te vejo

Eu flutuo no universo entre seus olhos
Na minha nave, sozinho na minha missão
Mas você está a anos luz de distância
Não sei se chega o sinal
Ou se eu sou apenas

Uma estrela cadente
Mercúrio me avisa do seu calor
Marte afirma ter seu coração
Vênus e Júpiter a Plutão

Eles me dizem para voltar para a Terra ou perder o controle
Se eu sou apenas uma estrela cadente
Faça um pedido e me deixe em paz
Eu sei que você não vai fazer isso
Não haverá big bang

Composição: Dann Hammond / David Rees
Enviada por Carol.
Viu algum erro? Envie uma revisão.

Posts relacionados

Ver mais no Blog


Mais músicas de David Rees

Ver todas as músicas de David Rees