LETRAS.MUS.BR - Letras de músicas

Sola

Danna Paola

Sola

¿Para qué enamorarse?
Eso es cosa de ayer
Tú me lo enseñaste
Y hoy te toca perder

No me sobran horas para darte
Ni tengo razones pa' esperarte

No me hables de amor
Ya no tengo ganas
Besos de ficción
Hoy no valen nada

Estoy mejor sola, ay
Nadie me controla, ay
Me va mejor sola, ay
Sola con mi sombra, mmm

Sola, sola, sola
Prefiero estar sola
Sola, sola, sola
Prefiero estar sola

Sola, sin prisa, me fui pa' la calle
Sin rendirle cuentas a nadie (a nadie)
Trago en la mano, con soundtrack urbano
Y todos mirando mi baile

Pero aunque quieran y aunque me busquen
Ya yo no estoy pa' romance, no
Porque ¿pa' qué complicarse?

No me hables de amor
Ya no tengo ganas
Besos de ficción
Hoy no valen nada

Estoy mejor sola, ay
Nadie me controla, ay
Me va mejor sola, ay
Sola con mi sombra, mmm

Sola, sola, sola
Prefiero estar sola
Sola, sola, sola
Prefiero estar sola, mmm

Fueron tus labios mi vicio
Creí que era mi paraíso
Y aunque siento que me muero
No vuelvo a saltar directo al precipicio

Porque eso era inevitable
Rosas y fuego que arden
Baby, I'm sorry for breaking your heart
But you killed me inside

No me hables de amor
Ya no tengo ganas
Besos de ficción
Hoy no valen nada (no valen na')

Sola, ay
Nadie me controla, ay
Me va mejor sola, ay
Sola con mi sombra (sola, sin prisa), mmm

Estoy mejor sola
Sin promesas rotas, mmm

Yo'
I have feelings, bitch

Sozinha

Para quê se apaixonar?
Isso é coisa do passado
Foi o que você me ensinou
E hoje é a sua vez de perder

Estou sem tempo para você
Nem tenho motivos para te esperar

Não me fale de amor
Não tenho mais vontade
Beijos de ficção
Hoje, não valem de nada

Fico melhor sozinha, ai
Ninguém me controla, ai
Eu me saio melhor sozinha, ai
Sozinha com a minha sombra, hmm

Sozinha, sozinha, sozinha
Prefiro ficar sozinha
Sozinha, sozinha, sozinha
Prefiro ficar sozinha

Sozinha, sem pressa, fui pra rua
Sem dar explicações a ninguém (a ninguém)
Bebida na mão, ouvindo um batidão
E todo mundo me olhando dançar

Mas caso insistam e me procurem
Eu não estou afim de romance, não
Afinal, para quê caçar problemas?

Não me fale de amor
Não tenho mais vontade
Beijos de ficção
Hoje, não valem de nada

Fico melhor sozinha, ai
Ninguém me controla, ai
Eu me saio melhor sozinha, ai
Sozinha com a minha sombra, hmm

Sozinha, sozinha, sozinha
Prefiro ficar sozinha
Sozinha, sozinha, sozinha
Prefiro ficar sozinha, hmm

Os seus lábios foram meu vício
Acreditei que você fosse meu paraíso
E mesmo sentido que estou morrendo
Não vou me jogar do precipício de novo

Porque isso era inevitável
Rosas e fogo que queimam
Meu bem, me desculpa por partir seu coração
Mas você me matou por dentro

Não me fale de amor
Não tenho mais vontade
Beijos de ficção
Hoje, não valem de nada (não valem de nada)

Sozinha, ai
Ninguém me controla, ai
Eu me saio melhor sozinha, ai
Sozinha com a minha sombra (sozinha, sem pressa), hmm

Fico melhor sozinha
Sem promessas quebradas, hmm

E aí
Eu tenho sentimentos, vadia

Composição: Ale Alberti / Dani Blau / Danna Paola / Joel Isaac Figueroa Borquez / MacGregor Leo Essa informação está errada? Nos avise.
Enviada por Sanchez e traduzida por Vitória. Legendado por Daniela.
Viu algum erro? Envie uma revisão.

Posts relacionados

Ver mais no Blog


Mais músicas de Danna Paola

Ver todas as músicas de Danna Paola