Há Um Porque

Victorino Silva

Há um porquê das rosas exalarem seu aroma
Há um porquê dos rios correrem em seus leitos
Há um porquê dos mares possuírem tão fortes ondas
Há um porquê dos peixes existirem nas profundezas do mar
Há um porquê do sabiá cantar belos louvores
Há um porquê da águia alçar tão alto vôo
Há um porquê das andorinhas voarem em bandos
Há um porquê da gaivota em seu caminho sobrevoar a imensidão do mar

Tudo porquê do dia do meu salvador amado
Pra me salvar seu sangue na cruz foi derramado
E por amor, por nós foi imolado
Eis o porquê das rosas exalarem o seu odor
Eis o porquê das rosas exalarem o seu odor, odor

Enviada por levi. Revisão por Paulo.
Viu algum erro? Envie uma revisão.

Posts relacionados

Ver mais no Blog


Mais músicas de Victorino Silva

Ver todas as músicas de Victorino Silva