Paris

$uicideBoy$

Original Tradução Original e tradução
Paris

[$LICK $LOTH]
Ay, ay, ay, tell me what you know
'Bout a motherfucker out the bottom
With a gold grill gleamin', makin' all these hoes problems
Stalker, creepin', out the fuckin' dungeon
Switchblade on 'em hit the guts like a pumpkin, dumpin'
Thirty rounds of the clip off rip
Too thick with the stick bet I won't miss
Lil' Slick real sick, don't talk shit
Whip, whip, like a brick scale on fish
$Uicide, night time, no we don't fight crime, oh
It's the Grey 5-9 with the real red eyes and we dying inside, ooh
Bodies in fluoride let the rope untie just crucify me
Yung Christ wrists sliced couple hoes on ice singing R.I. p

[Ruby da cherry]
Ruby was a motherfucking reject
Then I cut my wrists and now I motherfucking bleed checks
Still broke after all the motherfucking weed gets rolled
Hoes askin' if I see a ghost, tell 'em no
I just seep smoke when the weeds blown
She chokes from the deep-throat, three feet of rope, lethal
Slay the fuckin' sheep, so evil
I'mma hang myself, and then I get to see home
Ruby a fucking demon, aye uh
Ruby got a cult now, hoes tryna bolt down
Ruby the result of a reject from a small town
Turned into a demon, I'm evolved now
Loud growl, Snow Leopard on the prowl, aye
Stay the fuck back, hoe
Slay the whole pack hoe
Paint the globe black hoe, aye
Soon I will shed this skin, turn to the devil
Then I'll never reminisce
Aye

Paris

[$LICK $LOTH]
Diga-me o que você sabe
Sobre um filho da puta lá em baixo
Com um grill de ouro brilhando, fazendo problemas pra todas essas vagabundas
Stalker, rastejando, pra fora da porra do calabouço
Canivetes comigo, acerto nas vísceras como numa abóbora, jogo os restos no lixo
Trinta balas para fora do pente, imediatamente
Tô rápido com a peça, aposto que não vou errar
Lil' Slick é doente pra caralho, não fale merda
Chicoteia, chicoteia, como um tijolo de escama de peixe
$Uicídio, de noite, não, nós não lutamos contra o crime, oh
É o Grey *59 com os olhos vermelhos de verdade e estamos morrendo por dentro, oh
Corpos em flúor, deixe a corda desamarrar, só me crucifique
Pulsos do Yung Christ cortados, algumas vadias na metanfetamina cantando R.I.P

[Ruby da cherry]
Ruby era um filho da puta rejeitado
Então eu corto meus pulsos e agora eu sangro cheques
Continuo sem grana depois que toda a erva foi enrolada
Vagabundas perguntando se eu vi um fantasma, falo não pra elas
Eu só trago fumaça quando a maconha queima
Ela engasgou com o garganta profunda, três pés de corda, letal
Mato a porra da ovelha, tão mau
Eu vou me enforcar, então vou ver meu lar
Ruby é uma porra de um demônio
Ruby tem um culto agora, vagabundas tentando trepar
Ruby é o resultado de um rejeito de uma cidade pequena
Me transformo em um demônio, eu estou evoluído agora
Rugidos altos, Snow Leopard na caçada
Vá pra trás, vagabunda do caralho
Aniquile o grupo inteiro, vagabunda
Pinte o globo de preto, vagabunda
Vou sair desta pele em breve, me transformar no diabo
Então eu nunca vou lembrar de mais nada
Aye

Composição: Aristos Petrou / Scott Arceneaux Jr.
Enviada por Vinicius e traduzida por bia. Legendado por Luís e Kaua. Revisões por 4 pessoas.
Viu algum erro? Envie uma revisão.

Dicionário de pronúncia

Ver mais palavras

Posts relacionados

Ver mais no Blog