Time

Tom Waits

Original Tradução Original e tradução
Time

Well, the smart money's on Harlow
and the moon is in the street
the shadow boys are breaking all the laws
and you're east of East St. Louis
and the wind is making speeches
and the rain sounds like a round of applause
Napoleon is weeping in the Carnival saloon
his invisible fiance is in the mirror
the band is going home
it's raining hammers, it's raining nails
yes, it's true, there's nothing left for him down here

Chorus

And it's Time Time Time
And it's Time Time Time
And it's Time Time Time
that you love
And it's Time Time Time

And they all pretend they're orphans
and their memory's like a train
you can see it getting smaller as it pulls away
and the things you can't remmeber
tell the things you can't forget that
history puts a saint in every dream

Well she said she'd stick around
until the bandages came off
but these mamas boys just didn't know when to quit
and Matilda asks the sailors are those dreams
or are those prayers
so just close your eyes, son
and this won't hurt a bit

Chorus

Well, things are pretty lousy for a calendar girl
the boys just dive right off the cars
and splash into the street
and when she's on a roll she pulls a razor
from her boot and a thousand
pigeons fall around her feet
so put a candle in the window
and a kiss upon his lips
till the dish outside the window fills with rain
just like a stranger with the weeds in your heart
and pay the fiddler off till I come back again

Chorus

Tempo

Bem, o dinheiro esperto está no Harlow
E a lua está na estrada
Os meninos sombra estão quebrando todas as leis
E você está a leste de East St. Louis
E o vento está fazendo discursos
E a chuva soa como uma salva de palmas
Napoleão está chorando no salão de carnaval
Sua noiva invisível está no espelho
A banda está indo para casa
Está chovendo martelos, está chovendo pregos
Sim, é verdade, não ha mais nada para ele aqui embaixo

Refrão

E é o Tempo, Tempo, Tempo
E é este tempo, tempo, tempo
E é este tempo, tempo, tempo
Que você ama
E é este tempo, tempo, tempo

E todos eles fingem que estão órfãos
E suas memórias são como um trem
Você pode vê-las ficando menor a medida que se afastam
E as coisas que você não consegue lembrar
Dizem coisas que você não consegue esquecer
Esta história que coloca um santo em cada sonho

Bem, ela disse que iria ficar por aqui
Até as bandagens saírem
Mas esses filhinhos de mamãe já não sabem quando parar
E Matilda pede pelos marinheiros que estão naqueles sonhos
Ou então naquelas orações
Assim basta fechar os olhos, filho
E isso não vai doer nada

Refrão

Bem, as coisas estão bastante ruins para uma garota de calendário
Os garotos apenas mergulham para fora dos carros
E respingam pela estrada
E quando ela está em um rolo, ela puxa uma navalha
Vinda de sua bota
E um milhão de pombos caem aos seus pés
Então põe uma vela na janela
E um beijo sobre seus lábios
Até que o prato fora na janela encha com a chuva
Assim como uma estranha com ervas daninhas em seu coração
E paga o violinista até eu voltar novamente

Refrão

Composição: Tom Waits
Viu algum erro? Envie uma revisão.

Dicionário de pronúncia

Ver mais palavras

Posts relacionados

Ver mais no Blog


Mais músicas de Tom Waits

Ver todas as músicas de Tom Waits