There Is a Light That Never Goes Out

The Smiths

Original Tradução Original e tradução
There Is a Light That Never Goes Out

Take me out tonight
Where there's music and there's people
Who are young and alive
Driving in your car
I never, never want to go home
Because I haven't got one anymore

Take me out tonight
Because I want to see people
And I want to see lights
Driving in your car
Oh, please don't drop me home
Because it's not my home
It's their home
And I'm welcome no more

And if a double-decker bus
Crashes into us
To die by your side
Is such a heavenly way to die
And if a ten ton truck
Kills the both of us
To die by your side
Well, the pleasure, the privilege is mine

Take me out tonight
Take me anywhere
I don't care, I don't care, I don't care
And in the darkened underpass, I thought
Oh, God, my chance has come at last
But then a strange fear gripped me
And I just couldn't ask

Take me out tonight
Oh, take me anywhere
I don't care, I don't care, I don't care
Driving in your car
I never never want to go home
Because I haven't got one, no, no, no
Oh, I haven't got one

And if a double-decker bus
Crashes into us
To die by your side
Is such a heavenly way to die
And if a ten ton truck
Kills the both of us
To die by your side
Well, the pleasure, the privilege is mine

Oh, there is a light that never goes out
There is a light that never goes out
There is a light that never goes out
There is a light that never goes out

Há Uma Luz Que Nunca Se Apaga

Leve-me para sair esta noite
Onde haja música e pessoas
Que sejam jovens e animadas
Dirigindo no seu carro
Eu nunca, nunca quero ir pra casa
Porque eu não tenho uma mais

Leve-me para sair esta noite
Porque eu quero ver gente
E eu quero ver luzes
Dirigindo no seu carro
Oh, por favor, não me deixe em casa
Porque não é o meu lar
É a casa deles
E eu não sou mais bem-vindo

E se um ônibus de dois andares
Colidir com a gente
Morrer ao seu lado
É um jeito tão divino de morrer
E se um caminhão de dez toneladas
Matar nós dois
Morrer ao seu lado
Bem, o prazer, o privilégio é meu

Leve-me para sair esta noite
Leve-me para qualquer lugar
Eu não me importo, não me importo, não me importo
E num túnel escurecido, eu pensei
Oh, meu Deus, minha chance finalmente chegou
Mas então um medo estranho me tomou
E eu simplesmente não pude pedir

Leve-me para sair esta noite
Oh, me leve para qualquer lugar
Eu não me importo, não me importo, não me importo
Dirigindo no seu carro
Eu nunca, nunca mais quero ir pra casa
Porque eu não tenho uma casa, não, não, não
Oh, eu não tenho

E se um ônibus de dois andares
Colidir com a gente
Morrer ao seu lado
É um jeito tão divino de morrer
E se um caminhão de dez toneladas
Matar nós dois
Morrer ao seu lado
Bem, o prazer, o privilégio é meu

Oh, há uma luz que nunca se apaga
Há uma luz que nunca se apaga
Há uma luz que nunca se apaga
Há uma luz que nunca se apaga

Composição: Johnny Marr / Morrissey
Legendado por Alexandre e mais 12 pessoas. Revisões por 20 pessoas.
Viu algum erro? Envie uma revisão.

Dicionário de pronúncia


Posts relacionados

Ver mais no Blog