The Singles

The Gift

Original Tradução Original e tradução
The Singles

Forget these bars now, you´re getting shy
Leave all those tracks back, they only lie

Go feed those haters, they fancy bad rhymes
They like the small things, so they may shine
What's missing out now? What more to write?
So I'm a wise guy, I think to myself
I'll shut my mouth now and set up this dance again

There's no excuse now
You'll be yourself somehow

Anything you do
Anywhere you go
Anywhere

They´ll raise your head down, they feel alive
It's never enough for them

They said I can change their lives
So why can't I change mine?

They dream about my life
But I don´t dream
At night

It´s just a paper cut and my head is now so strong
I´m not afraid anymore
If you come back right through that door
But you are never quick enough to forget
It´s just a paper cut

And then the wannabes,
They´re paper cuts to me

It´s just a paper cut and my head is now so strong
I´m not afraid anymore
If you come back right through that door
But you are never quick enough to forget
It´s just a paper cut

Sunny beauty ballads, trashy crazy words
Funny rainbow colours and ironic songs

What about the spring
Spring for spring
Will it be?

Face now your world

I can do whatever I need
Can find from where I belong
Can sing as much as I breathe

It's time to get it done
And I know you love enough
The future is still to come
Take each day one by one
You don´t need to feel

Guilty needs shows everything that you´ve got
This pointed gun shouts at your head again
Still remember what you forgot
And everything that made you stop
I don´t know what will cross your way
Maybe the lights of New York

Needed guilt shows everything you forgot
This pointed gun shouts at your heart again
I still remember why you have stopped
Was the light of old New York
I don´t know how you´ll cross this way
It's better to show what you´ve got

What about those ballads and those crazy words
What about the colours and ironic songs
Dream about the spring
Things will change
Flowers will rise
Your personal prize
Just open your eyes
Keep moving and discover, there are pretty things about your life

Born in a small town
Bad movies once a week
Two TV channels, no remote, begging for Twin Peaks

A bunch of lunatics
Good hearts in crazy heads
They've lost their hope, they were just grown men in our Neverland

And during Christmas eve
The world was sharing gifts
We didn't care, we were listening to good riffs

A borrowed walkman
The cheapest tape on it
Disintegration in repeat, the best trip I can get

Romance the 80's, we dance the 90's
The last 10 years they passed so fast, I kind of miss them

Best parties ever
Our heroes on the stage
Coloured lights, glamour nights, was the neon age

A perfect night for me
Much more than ecstasy
We can sweat, we can jump, You can be so free

The kids in blogs now
And all their stupid hypes
They lack the know how
The whole world in their hands
Except the taste, to write the text
Nobody understands!

Why copy Talking Heads and paste the Radiohead?
Why not discover The Full Sentence of the Pigeonhed

Ten voices spring reverb
Few bars with crazy noise
But at the end, we 're all a shadow of The Beach Boys

I miss the elegance
It's hard, but still exists
Rufus, you are on the top of my list

I'm feeling fresh now
Can see what's right and wrong
Stop it now
I just did a 12 minute song

Os

Esquece esses bares agora, estás a ficar tímido
Deixa todas essas faixas (musicais) para traz, elas só mentem.

Ir alimentar aqueles odiosos, eles fantasiam com rimas más,
Eles gostam das coisas pequenas, para que eles possam brilhar.
O que está a faltar agora? Do que mais para escrever?
Então eu sou um rapaz esperto, eu penso para mim,
Vou fechar a minha boca agora e organizar esta dança novamente.

Agora não há desculpa,
Vais ser tu mesmo de alguma maneira,

Tudo o que tu fazes,
Onde quer que vás,
Em qualquer lugar,

Eles vão provocar a tua capacidade para baixo, eles sentem-se bem
Nunca é suficiente para eles.

Eles disseram que eu posso mudar a vidas deles,
Então por que não posso alterar a minha?

Eles sonham com a minha vida,
Mas eu não sonho
À noite,

É apenas um recorte de papel e a minha cabeça agora é tão forte.
Eu não estou mais assustada.
Se tu voltares para traz directo por aquela porta,
Mas tu nunca és rápido o suficiente para te esquecer,
É apenas um recorte de papel.

E então o presunçosos,
São recortes de papel para mim.

É apenas um corte de papel e a minha cabeça agora é tão forte,
Eu não estou mais assustada.
Se tu voltares para traz directo por aquela porta,
Mas tu nunca és rápido o suficiente para te esquecer,
É apenas um recorte de papel.

Baladas melódicas e ensolaradas, palavras loucas sem valor,
Cores do arco-íris esquesitas e canções irónicas

E sobre a primavera?
Primavera para a Primavera,
Será?

(Enfrenta agora, o teu mundo)

Eu posso fazer o quer que precise,
Posso encontrar de onde pertenço,
Posso cantar tanto quanto respirar.

É hora de acaba-lo,
E eu sei que tu amas o suficiente,
O futuro ainda está para vir,
Tome cada dia um por um,
Tu não precisas se sentir,

O culpado precisa mostrar tudo o que tens,
Esta arma apontada grita para sua cabeça novamente:
Ainda me lembro o que te esqueceste,
E tudo o que te fez parar,
Eu não sei o que vai cruzar o teu caminho,
Talvez as luzes de Nova Iorque.

A culpa necessária mostra tudo o que esqueceste,
Esta arma apontada grita contra o teu coração novamente:
Ainda me lembro porque tu paraste,
Era a luz da velha Nova Iorque,
Eu não sei como tu vais atravessar este caminho,
É melhor mostrar-te o que tu tens.

Que tal essas baladas e essas palavras loucas,
Que tal sobre as cores e canções irónicas,
Sonha com a Primavera
As coisas vão mudar,
Flores vão subir,
O teu prémio pessoal,
Basta abrir os olhos,
Mantém-te em acção e descobre, há coisas bonitas sobre a sua vida.

Nascer numa cidade pequena,
Filmes reles uma vez por semana,
Dois canais de televisão, sem comando, a implorar por "Twin Peaks" (serie de TV premiada sobre um assassinato de uma jovem)

Um bando de lunáticos,
Bom coração em cabeças loucas,
Eles perderam a esperança, eram apenas homens adultos na nossa "Terra do Nunca".

E durante a véspera de Natal,
O mundo estava a compartilhar presentes,
Nós não nos importávamos, fomos ouvindo bons refrões.

Um walkman emprestado,
O fita mais barata dentro dele,
Desintegração no repetir, a melhor viagem que eu posso ter,

Romance da década de 80, nós dançamos a década de 90,
Os últimos 10 anos passaram tão rápido, eu quase que sinto falta deles.

As melhores festas de sempre,
Os nossos heróis no palco,
Luzes coloridas, noites de glamour, era a idade do néon,

Uma noite perfeita para mim,
Muito mais do que ecstasy,
Nos podemos suar, podemos pular, tu podes ser tão livre,

As crianças agora estão nos blogs,
E todos os seus estúpidos hypes, (exageros ou promoção desmedida do si mesmos)
Eles não têm o know-how, (saber fazer)
O mundo inteiro nas suas mãos,
Excepto o jeito, para escrever um texto,
Ninguém os entende!

Por que copiar os "Talking Heads" e colar no "Radiohead"? (1ª banda compôs o tema que deu nome à 2ª )
Por que não descobrir o "The Full Sentence" dos "Pigeonhed". (banda sub-pop de Seatle, EUA)

Dez vozes feitas com reverb (efeito sonoro)
Alguns bares com um barulho maluco,
Mas no final, nós somos todos uma sombra dos "The Beach Boys".

Tenho saudades da elegância,
É difícil, mas ainda existe,
Rufus, tu está no topo da minha lista. (cantor-escritor)

Eu agora sinto-me fresco,
Posso ver o que é certo e errado,
Pára isto agora,
Eu apenas fiz uma música de 12 minutos.

Enviada por Pedro e traduzida por Ruben.
Viu algum erro? Envie uma revisão.

Dicionário de pronúncia

Ver mais palavras

Posts relacionados

Ver mais no Blog


Mais músicas de The Gift

Ver todas as músicas de The Gift