Song For America

Kansas

Original Tradução Original e tradução
Song For America

Virgin land of forest green, dark and stormy plains: here all life abounds
Sunlit valley, mountain fields, unseen in the rain: here all life abounds
No man rules this land, no human hand has soiled this paradise
Waiting patiently, so much to see, so rich the Earth's delights

Painted desert, sequined sky, stars that fill the night: here all life abounds
Rivers flowing to the sea, sunshine pure and bright: here all life abounds
No man rules this land, no human hand has soiled this paradise
Waiting patiently, so much to see, so rich the Earth's delights

So the maiden lies in waiting for the sails to reach the shore
Land of beauty and abundance, innocent, you opened wide your door
Wanderers found the waiting treasure, full of gifts beyond their measure
Milk and honey for our pleasure

Across the sea there came a multitude, sailing ships upon the waves
Filled with visions of utopia and the freedom that they craved
Ravage, plunder, see no wonder, rape and kill and tear asunder
Chop the forest, plow it under

Highways scars the mountain sides, buildings to the sky: people all around
Houses stand in endless rows, sea to shining sea: people all around
So we rule this land, and here we stand upon our paradise
Dreaming of a place, our weary race is ready to arise

Canção para América

Terra intocada de verdes florestas, de planícies escuras e tempestuosas: aqui toda a vida abunda
Vale ensolarado, campos montanhosos, invisíveis na chuva: aqui toda a vida abunda
Ninguém dita regras nesta terra, nenhuma mão humana sujou este paraíso
Esperando pacientemente, ansiosamente, para ver as ricas delícias dessa terra

Deserto retalhado, céu de lantejoulas, estrelas que enchem a noite: aqui toda a vida abunda
Rios que correm para o mar, sol puro e brilhante: aqui toda a vida abunda
Ninguém dita regras nesta terra, nenhuma mão humana sujou este paraíso
Esperando pacientemente, ansiosamente, para ver as ricas delícias dessa terra

Então a moça está na espera pelas velas para chegar à costa
Terra de beleza e abundância, inocente, você abriu largamente suas portas
Viajantes encontraram o tesouro esperado, cheio de presentes, além do que imaginavam
Leite e mel para o nosso prazer

Através do mar, veio uma multidão, guiando navios sobre as ondas
Cheio de visões de utopia e liberdade que ansiavam
Devastar, saquear, ver nenhuma surpresa, estuprar e matar e dilacear
Talhar a floresta, podá-la

Rodovias rasgam os lados das montanhas, edifícios [apontam] para o céu: gente por toda parte
Casas mantêm-se em filas intermináveis, de ponta a ponta: gente por toda parte
Assim nós dominamos esta terra, e aqui estamos em nosso paraíso,
Sonhando com um lugar, [onde] nossa raça esgotada está pronta para surgir

Composição: Don Kirshner / Kerry Livgren
Viu algum erro? Envie uma revisão.


Posts relacionados

Ver mais no Blog