Fogo Abrasador

Julio Cesar e Marlene

Eu nasci no fogo, fogo abrasador
Fogo da promessa do consolador
Quem nasce no fogo da consolação
Tem a chama viva em seu coração

Fogo que só queima a força do mau
Fogo invisível, porém é real
Fogo que destrói pecados cruéis
Talvez seja o mesmo que foi visto por Moisés

Quando veio fogo lá no monte horebe
O servo de Deus, olhar não consegue
O fogo aquecendo e ele aproximava
A sarça ardia porém não se queimava

Fogo que só queima a força do mau
Fogo invisível, porém é real
Fogo que destrói pecados cruéis
Talvez seja o mesmo que foi visto por Moisés

Quando no cenáculo o fogo caiu
Às línguas de fogo
Todo mundo viu
Línguas diferentes de outros continentes
Foram repartidas para aqueles crentes

Fogo que só queima a força do mau
Fogo invisível, porém é real
Fogo que destrói pecados cruéis
Talvez seja o mesmo que foi visto por Moisés

Quando a igreja está em santidade
Este fogo desce sobre a mocidade
Desce no coral, no circulo de oração
Desce sobre a banda no toque da canção

Fogo que só queima a força do mau
Fogo invisível porém é real
Fogo que destrói pecados cruéis
Talvez seja o mesmo que foi visto por Moisés
Talvez seja o mesmo que foi visto por Moisés


Posts relacionados

Ver mais no Blog


Mais músicas de Julio Cesar e Marlene

Ver todas as músicas de Julio Cesar e Marlene