M de Mulher

Ícaro e Gilmar

Dia 1 cê vai chorar demais
Enquanto solidão te abraça
Dia 2 vai pensar em voltar
Enquanto a carência maltrata

Dia 7 o olho desinchou
Cê já consegue sair de casa
Dia 20 cê vai viajar
Posta selfie dando risada

Dia 30 você vai lembrar
Que há um mês atrás tava mal
Dia 31 vai finalmente ver
Que às vezes um ponto final faz bem
Olha no espelho uma nova mulher
E nem chegou no dia 100

Descobriu que o amor não mata
Que a saudade dói, mas passa
Que a felicidade não tá pendurada numa boca qualquer
E que você é foda com M de mulher, de mulher

Descobriu que o amor não mata
Que a saudade dói, mas passa
E a felicidade não tá pendurada numa boca qualquer
E que você é foda com M de mulher, de mulher

Dia 30 você vai lembrar
Que há um mês atrás tava mal
Dia 31 vai finalmente ver
Que às vezes um ponto final faz bem
Olha no espelho uma nova mulher
E nem chegou no dia 100

Descobriu que o amor não mata
Que a saudade dói, mas passa
E a felicidade não tá pendurada numa boca qualquer
E que você é foda com M de mulher, de mulher

Descobriu que o amor não mata
Que a saudade dói, mas passa
E a felicidade não tá pendurada numa boca qualquer
E que você é foda com M de mulher, de mulher

Composição: Junior Pepato / Benicio Neto / Théo / Luan
Enviada por Gustavo.
Viu algum erro? Envie uma revisão.

Posts relacionados

Ver mais no Blog