Salem

Genus Ordinis Dei

Original Tradução Original e tradução

Tradução automática via Google Translate

Salem

I came as pain dressed with shadows
The most beautiful nightmare
A charming monster, a honey-tasting curse, embrace my name

Brother, take me!
Hold my hand and
Guide me through death

(We are)
We are creatures of pure energy
Dance in flowers, rest in trees
We are precious parts of everything
Ever living entities
(We are)
We are fragments of eternity
We built forests we built seas
We erase grey from deadly battlefields
And paint green living hills

Burn their faces with your glare and fade in shadows
Follow me!
I've been embraced with chains and kissed with stones
Trust in me!
I've been caressed with razors and fed with poison

Sister, breach in! Take my hand and follow my name
Brother, take me! Hold my hand and guide me through death

(We are)
We are creatures of pure energy
Dance in flowers, rest in trees
We are precious parts of everything
Ever living entities
(We are)
We are fragments of eternity
We built forests we built seas
We erase grey from deadly battlefields
And paint green living hills

Life's but a walking shadow, a poor player
That struts and frets his hour upon the stage
And then is heard no more
It is a tale told by an idiot
Full of sound and fury signifying nothing

Where shall we three meet again?
In thunder, lightning, or in rain?
Upon the heat!

(We are)
We are creatures of pure energy
Dance in flowers, rest in trees
We are precious parts of everything
Ever living entities
(We are)
We are fragments of eternity
We built forests we built seas
We erase grey from deadly battlefields
And paint green living hills

Salem

Eu vim como dor vestida de sombras
O mais bonito pesadelo
Um monstro encantador, uma maldição com sabor de mel, abraça meu nome

Irmão, me leve!
Segure minha mão e
Guie-me pela morte

(Estamos)
Somos criaturas de pura energia
Dançar nas flores, descansar nas árvores
Somos partes preciosas de tudo
Entidades sempre vivas
(Estamos)
Somos fragmentos da eternidade
Construímos florestas, construímos mares
Nós apagamos o cinza dos campos de batalha mortais
E pintar colinas verdes

Queime seus rostos com seu brilho e desapareça nas sombras
Me siga!
Fui abraçado com correntes e beijado com pedras
Confie em mim!
Fui acariciado com navalhas e alimentado com veneno

Irmã, entre! Pegue minha mão e siga meu nome
Irmão, me leve! Segure minha mão e me guie pela morte

(Estamos)
Somos criaturas de pura energia
Dançar nas flores, descansar nas árvores
Somos partes preciosas de tudo
Entidades sempre vivas
(Estamos)
Somos fragmentos da eternidade
Construímos florestas, construímos mares
Nós apagamos o cinza dos campos de batalha mortais
E pintar colinas verdes

A vida é apenas uma sombra ambulante, um jogador ruim
Que suporta e irrita sua hora no palco
E então não se ouve mais
É uma história contada por um idiota
Cheio de som e fúria, significando nada

Onde nos encontraremos novamente?
No trovão, raio ou chuva?
Após o calor!

(Estamos)
Somos criaturas de pura energia
Dançar nas flores, descansar nas árvores
Somos partes preciosas de tudo
Entidades sempre vivas
(Estamos)
Somos fragmentos da eternidade
Construímos florestas, construímos mares
Nós apagamos o cinza dos campos de batalha mortais
E pintar colinas verdes

Composição: Tommaso Santo Monticelli
Enviada por tamires. Revisão por Ian.
Viu algum erro? Envie uma revisão.


Posts relacionados

Ver mais no Blog


Mais músicas de Genus Ordinis Dei

Ver todas as músicas de Genus Ordinis Dei