Stalingrado

Banda Bassotti

Original Tradução Original e tradução
Stalingrado

Fame e macerie sotto i mortai
Come l'acciaio resiste la citta'
Strade di Stalingrado, di sangue siete lastricate;
ride una donna di granito su mille barricate.
Sulla sua strada gelata la croce uncinata lo sa
D'ora in poi trovera' Stalingrado in ogni citta'.

L'orchestra fa ballare gli ufficiali nei caffe',
l'inverno mette il gelo nelle ossa,
ma dentro le prigioni l'aria brucia come se
cantasse il coro dell'Armata Rossa.

La radio al buio e sette operai,
sette bicchieri che brindano a Lenin
e Stalingrado arriva nella cascina e nel fienile,
vola un berretto, un uomo ride e prepara il suo fucile.
Sulla sua strada gelata la croce uncinata lo sa
D'ora in poi trovera' Stalingrado in ogni citta'

Stalingrado

Fome e destroços sob morteiros
Como ou aço resiste a cidade
Ruas de stalingrad, de são pavimentadas sangue;
Ri uma mulher de granito sobre barricadas mil.
Em seu caminho de congelar a suástica o sabe
A partir de agora encontrarão stalingrado em cada cidade

A orquestra faz dançar os oficiais no café
Inverno coloca o frio nos ossos,
Mas dentro das prisões como se queimasse o ar
Cantasse o refrão do exército vermelho

O rádio ao escuro e sete trabalhadores,
Sete copos que brindam a lenin
Stalingrado que chegam na casa da fazenda e no celeiro
Voa um boné, um homem ri e prepara o seu rifle.
Em seu caminho de congelar a suástica o sabe
De agora em diante, encontrão stalingrado em cada cidade.


Posts relacionados

Ver mais no Blog