Original Tradução Original e tradução
Atrapar

Senti la lluvia caer y te vi desvanecer
Bajo truenos y relámpagos otra vez

El agua que deslizó sobre nuestra sensatez
Poco a poco le robó calor al querer

No me encierres
No creas que te seguiré
No me ahogues
Suéltame y volveré

Pasión y celos se funden
Confunden guerra y paz
Consumiendo cada dia más
Todo lo demás

No me encierres
No creas que te seguiré
No me ahogues
Suéltame y volveré

Juramos fidelidad por temor a la soledad
Conjugamos con el verbo amar:
"Atrapar"

No me encierres
No creas que te seguiré
No me ahogues
Suéltame y volveré

Conjugamos con el verbo amar
"Atrapar"

Enganar

Senti a chuva cair e te desvanecer
Embaixo de trovões e relampagos outra vez

A água que deslizou sobre nossa sensatez
Pouco a pouco roubou o calor ao querer

Não me prenda
Não pense que te seguirei
Não me afogue
Solte-me que voltarei

Paixão e ciumes se juntam
Confundem guerra e paz
Consumindo cada dia mais
Tudo o que sobrou

Não me prenda
Não pense que te seguirei
Não em afogue
Solte-me que voltarei

Juramos fidelidade por temer a solidão
Conjugamos com o verbo amar:
"Enganar"

Não me prenda
Não pense que te seguirei
Não me afogue
Solte-me que voltarei

Conjugamos com o verbo amar:
"Enganar"

Composição: Adriana Mezzadri
Enviada por Elton e traduzida por Dayane.
Viu algum erro? Envie uma revisão.

Posts relacionados

Ver mais no Blog