Concha

Tagore

Completamente em mim mesmo
Eu busco alguma coisa
Torta ou direita como a luz
E a distração da certeza é só pra ver
Se em algum momento
Eu me esqueci de esquecer

Eu to morrendo por dentro
Eu to vivendo tão só
É tanta dor e lamento
O amor do tempo é sem dó
Eu já nem sei o que faço
O marca-passo é você
Chiado e sombra é serpente
E a dor do dente é não ter

Enviada por bea. Revisão por Tagore.
Viu algum erro? Envie uma revisão.

Posts relacionados

Ver mais no Blog


Mais músicas de Tagore

Ver todas as músicas de Tagore