Desperdício

Paulo César Pinheiro

Foi um desperdício de paixão
Que fez do sacrifício solidão
Meu coração cicatrizou
Mas nunca mais ficou perfeito
Se enclausurou dentro do peito
Renunciando a todo amor
A vida é a justiça que vem do céu
Não faz distinção entre o bem e o mal
Por isso é às vezes cruel
E o amor é a pena fatal
Você só cumpriu seu papel
Eu tive o papel principal
Ah! Eu fui aquele que chorou
Ah! Como você me machucou
Meu coração se conformou
Mas nunca mais amou direito
Porque ele aí fica sem jeito
Denunciando a minha dor

Composição: Eduardo Gudin / Paulo César Pinheiro
Enviada por igor.
Viu algum erro? Envie uma revisão.

Posts relacionados

Ver mais no Blog


Mais músicas de Paulo César Pinheiro

Ver todas as músicas de Paulo César Pinheiro