Janela

Nina Becker

As coisas passam sem se aproximar
Do caminho que se olha dessa janela
As coisas passam sem saber passar,
Passam as curvas, passam as chuvas que eu vou lembrar

Passam sem se aproximar,
Paradas, paradas,
Passam sem olhar pra cá,
Paradas, paradas

Para voltar pra casa e descansar
Para poder chegar de algum lugar
Para tentar chegar de madrugada
Para poder perder a mão da estrada

Passam sem se aproximar
Paradas, paradas
Passam sem olhar pra trás
Paradas, paradas

Para voltar pra casa e descansar
Para poder chegar de algum lugar
Para tentar chegar de madrugada
Para poder perder a mão da estrada

Composição: Domenico / Nina Becker
Enviada por Marcos. Legendado por Sissili.
Viu algum erro? Envie uma revisão.

Posts relacionados

Ver mais no Blog


Mais músicas de Nina Becker

Ver todas as músicas de Nina Becker