Sempre Mangueira

Nelson Cavaquinho

Ô, ô, ô, ô
Foi Mangueira que chegou
Ô, ô, ô, ô
Foi Mangueira que chegou

Mangueira é celeiro
De bambas como eu
Portela também teve
O Paulo, que morreu
Mas o sambista
Vive eternamente
No coração da gente

Os versos de Mangueira, são modestos
Mas à sempre força de expressão
Nossos barracos, são castelos
Em nossa imaginação

Ô, ô, ô, ô
Foi Mangueira que chegou
Ô, ô, ô, ô
Foi Mangueira que chegou

Composição: Nelson Cavaquinho
Enviada por gui. Revisões por 2 pessoas.
Viu algum erro? Envie uma revisão.

Posts relacionados

Ver mais no Blog


Mais músicas de Nelson Cavaquinho

Ver todas as músicas de Nelson Cavaquinho