Passageiro

Mariana Froes

Quantas vezes eu não fui o último a fechar a porta?
Quantas vezes, cansado, eu mal cheguei e já dei meia volta?
Quantas vezes o mundo me tirou o doce da mão, sorrindo?
Quantas vezes, mesmo sujo, eu acabei jogando limpo?

É, se a vida bate forte
Eu fico tonto, eu perco o ponto
Aonde é que eu vou parar?
Eu sou passageiro
E o meu roteiro
É um drama sem fim
Uma comédia ou algo assim
Quem lê, vai rir
Ou vai chorar
Não cabe a mim

Quantas eu vezes eu não fui o último a fechar a porta?
Quantas vezes, cansado, eu mal cheguei e já dei meia volta?
Quantas vezes o mundo me tirou o doce da mão, sorrindo?
Quantas vezes, mesmo sujo, eu acabei jogando limpo?

Composição: Ana Muller / Rodrigo Alarcon
Enviada por Alexis.
Viu algum erro? Envie uma revisão.

Posts relacionados

Ver mais no Blog


Mais músicas de Mariana Froes

Ver todas as músicas de Mariana Froes