AfricAryaN (feat. Neil deGrasse Tyson and J. Cole)

Logic

Original Tradução Original e tradução
AfricAryaN (feat. Neil deGrasse Tyson and J. Cole)

I feel the Aryan in my blood, it's scarier than a Blood
Been looking for holy water, now I’m praying for a flood
It feel like time passing me by slower than a slug
While this feeling inside of my body seep in like a drug
Will you hug me, rub me on the back like a child?
Tell me you love me, need me
Promise me you’ll never leave me
Even though my daddy, you know he blacker than the street
With a fist to match, more solid than concrete
Tell white people I’m black, feel the need to retreat
Like I should be ashamed of my granddaddy Malik
But my beautiful black brothers and sisters
Want to act like I’m adopted
Go back in time to when my nigga daddy
Impregnated my cracker momma and stopped it

My oh my (my oh my)
Oh my (my oh my)
I said oh my (oh my)

Somebody pinch me
Black man screaming, trying to convince me I’m not black
So why the white man wanna lynch me?
Damn, my skin fair but life’s not
And I'd be lying if I said I didn’t care what whites thought
Or black people said, shit
Maybe it’s in my head
Like a single mother praying In-A-Gadda-Da-Vida
Looking around on the ground for a serpent to feed her
Praying to God, wondering why her baby daddy beat her
Feeling like the devil finna come and defeat her
All alone in the wintertime, close to the heater
Wondering what’s gonna happen
And how the world gonna treat her
How could her momma mislead her
And her daddy just leave her?
Like abracadabra when that magician pull on the lever

Oh my
Oh my
(Oh my) like the white women said oh my
Oh my, my, my, my, my
Ohhh
Oh my, my, my, my, my
Oh my
I don’t feel right deep inside
Feeling like I need to hide
Everybody wonder why I get high
'Cause I can’t fight the feeling inside
Oh my, my, my
Oh my, I said oh my, yeah

Feeling innocent in a sense has got me feeling on the fence
And all this shit is so intense
Don’t wanna go to this event
Just wanna stay home and invent
And somehow, yeah, that let me vent
I’m taking shots and drinking liquor
But that shit don’t make a dent in how I’m feeling
And yes I’m willing to keep chilling on this shit
I know there's someone out there far away
Who's feeling all this shit
And yes I know that when I’m low
There's so much further I can go
And so I look up to the sky

Oh my, oh my
Oh my, oh my
(Oh my, oh my) oh my, oh my
(Oh my, oh my) oh my, oh my
(I said oh)

I feel the Aryan in my blood, it's scarier than a Blood
Been looking for holy water, now I’m praying for a flood
It feel like time passing me by slower than a slug
While this feeling inside of my body seep in like a drug
Will you hug me, rub me on the back like a child?
Tell me you love me, need me
Promise me you’ll never leave me
Even though my daddy, you know he blacker than the street
With a fist to match, more solid than concrete
Tell white people I’m black, feel the need to retreat
Like I should be ashamed of my granddaddy Malik
But my beautiful black brothers and sisters
Want to act like I’m adopted
Go back in time to when my nigga daddy
Impregnated my cracker momma and stopped it

My oh my (my oh my)
Oh my (my oh my)
Like the white women said oh my (oh my)

Single mother praying In-A-Gadda-Da-Vida
Looking around on the ground for a serpent to feed her
Praying to God, wondering why her baby daddy beat her
Feeling like the devil finna come and defeat her
Single mother praying In-A-Gadda-Da-Vida
Looking around on the ground for a serpent to feed her
Praying to God, wondering why her baby daddy beat her
Feeling like the devil finna come and defeat her
Single mother praying In-A-Gadda-Da-Vida
Looking around on the ground for a serpent to feed her
Praying to God, wondering why her baby daddy beat her
Feeling like the devil finna come and defeat her
All alone in the wintertime, close to the heater
Wondering what’s gonna happen
And how the world gonna treat her
How could her momma mislead her
And her daddy just leave her?
Like abracadabra when that magician pull on the lever

Oh my
Oh my, my, my, my, my
Ohhh
Oh my, my, my, my, my
Oh my
I don’t feel right deep inside
Feeling like I need to hide
Everybody wonder why I get high
Cause I can’t fight the feeling inside
Oh my, my, my
Oh my, I said oh my

Sometimes I can’t get you out of my mind
Baby, no I just can’t find, I just can’t find
Such a beautiful state of mind
Beautiful state of mind, such a beautiful state of mind
Beautiful state of mind
Sometimes everyday right on time
But right now in my mind
It feels like I'm living on borrowed time

I feel the Aryan in my blood, it's scarier than a Blood
Been looking for holy water, now I’m praying for a flood
It feel like time passing me by slower than a slug
While this feeling inside of my body seep in like a
Will you hug me, rub me on the back like a child?
Tell me you love me, need me
Promise me you’ll never leave me
Even though my daddy, you know he blacker than the street
With a fist to match, more solid than con
Tell white people I’m black, feel the need to retreat
Like I should be ashamed of my granddaddy Malik
But my beautiful black brothers and sisters
Want to act like I’m adopted
Go back in time to when my nigga daddy
Impregnated my cracker momma and stopped it

My oh my, oh my
Feeling innocent, oh my
Feeling innocent in a sense has got me feeling on the fence
And all this shit is so intense
Don’t wanna go to this event
Just wanna stay home and invent
And somehow, yeah, that let me vent
I’m taking shots and drinking liquor
But that shit don’t make a dent in how I’m feeling
And yes I’m willing to keep chilling on this shit
I know there's someone out there far away
Who's feeling all this shit
And yes I know that when I’m low
There's so much further I can go
And so I look up to the sky, to the sky
Like a single mother praying In-A-Gadda-Da-Vida
Looking around on the ground for a serpent to feed her
Praying to God, wondering why her baby daddy beat her
Feeling like the devil finna come and defeat her
All alone in the wintertime, close to the heater
Wondering what’s gonna happen
And how the world gonna treat her
How could her momma mislead her
And her daddy just leave her?
Like abracadabra when that magician pull on the lever
How could her momma mislead her
And her daddy just leave her?
Like abracadabra when that magician pull on the lever
How could her momma mislead her
And her daddy just leave her?
Like abracadabra when that magician pull on the lever
How could her momma mislead her
And her daddy just leave her?
Like abracadabra when that magician pull on the lever
How could her momma mislead her
And her daddy just leave her?
Like abracadabra when that magician pull on the lever
Oh my

So what now?
What advice can you give me?
What advice can I give humanity?
I suppose so
Live your life
Don’t waste your days on the negative energy of others
Remember that you’re not your salary
You’re not your house you’re not your car
And no matter how big your bank account is
Your grave is six feet under just like everyone else’s
So enjoy the days you have
Worry not bout the days that came before you
Nor the ones that will follow you in death
Remember that right here in this moment is all you are guaranteed
And the fact that you are living is what life is all about
So live your life to the fullest
According to your happiness and the betterment of all

Damn man, we’ve been walking forever
Well, Thalias tracking system says we’ll be there in just over an hour
Shit, at least we got good walking music or is that it?
Oh no, man
I’m cueing up the fourth album now, his final one

One, two, three, four
One, two, three, four, listen
Look into my eyes
Tell me you could see beyond the smile that I'm puttin' on
This front that I'm puttin' up for you
I spill my soul into a microphone
With poems written in blood
In hopes that it's enough for you
Do you love me yet?
Do you love me yet?
No? Okay
I'll go harder for you
In fact, I rap till I collapse
All I wanted was acceptance, my latest lesson
I'll never feel your approval till I accept my own
Come from a messed up home, destitute and less informed
About the ways to raise a child up
To not become a product
Of his environment, I need to cry and vent
But I done built this wall up
Actin' like everything's all good
But in reality I'm lookin' for something
Through bumpin' my favorite rappers I came up after
Nas, Cole, and Hov
Eyes closed, I zone till five or so in the morn'
I'm used to being alone
Shit, you know how long I've been out on my own?
Chasing dreams, fantasies of a throne
One day I wake up and see that it didn't exist all along
Till then I will pen verses that fans consider brilliant
Boosting my ego with every million that spills in
And still then
I won't find solace, so where's the logic in that?
Worrying 'bout if they think Logic could rap
When it all goes back to a childhood, need to be loved
By parents that was in too deep with the drugs
Nigga, my advice, fuck the black and white shit
Be who you are, identify as a star
No one tells you you're that
It's something that you just know
The world be stealing your glow
Your mama did what she could
Her life was miles from good
Your father fell in the trap
They set for you when you black
They met when they was low
And therefore you a product of that
And so your trauma is deep
Don't bury it you should weep
And clean it out of your system, then truly forgive 'em
Just my opinion, only then can you find peace
Just start to notice happiness don't come from album release
I've been through it before
Can only share with you what I know
To be true, but at the same time, I'll never be you
And you'll never be me, no matter how hard that you try
This is for youngins out there wondering how far you can fly
The truth is that you could go further than the stars and the sky
But if you want to then you ought to know why
Are you running from something
With hopes of becoming someone
That's finally worthy of love
Let me tell you now, you're worthy enough
Fuck approval from strangers, that shit is dangerous as hell
Find God, learn to accept yourself
And I'm gone, accept Him

AfricAriaNo (part. Neil deGrasse Tyson e J. Cole)

Eu sinto o ariano no meu sangue, é mais assustador do que um sangue
Procurando água benta, agora estou orando por uma inundação
Parece que o tempo passa mais devagar que uma lesma
Enquanto esse sentimento dentro do meu corpo se infiltra como uma droga
Você vai me abraçar, me esfregar nas costas como uma criança?
Diga-me que você me ama, precisa de mim
Me prometa que nunca me deixará
Mesmo que meu pai, você sabe que ele é mais preto que a rua
Com um punho a condizer, mais sólido que o concreto
Diga às pessoas brancas que sou negra, sinta necessidade de recuar
Como se eu tivesse vergonha do meu avô malik
Mas meus lindos irmãos e irmãs negros
Quer agir como se eu fosse adotado
Voltar no tempo para quando meu pai era negro
Encontrado a minha mãe e ter parado com isso

Oh, meu Deus (oh, meu Deus)
Oh, Deus! (oh, meu Deus)
Eu disse oh Deus (oh, meu Deus)

Alguém me belisca
Um negão tá tentando me convencer de que eu não sou negro
Então, por que o homem branco quer me linchar?
Porra, minha pele é justa, mas a vida não é
E eu mentiria se dissesse que não me importo com o que os brancos pensam
Ou pessoas negras disseram, merda
Talvez esteja na minha cabeça
Como uma mãe solteira rezando in-a-gadda-da-vida
Procurando no chão uma serpente para alimentá-la
Orando a Deus, perguntando-se por que seu pai bateu nela
Sentindo-se como o diabo quer vir e derrotá-la
Sozinho no inverno, perto do aquecedor
Pensando no que vai acontecer
E como o mundo vai tratá-la
Como sua mãe poderia enganá-la
E o pai dela a deixou?
Como abracadabra quando aquele mágico puxa a alavanca

Oh Deus
Oh Deus
(Oh meu) como as brancas dizem: Oh, Deus!
Oh, Deus, Deus, Deus, meu Deus
Ohhh
Oh Deus, Deus, Deus, meu Deus
Oh, Deus!
Não me sinto bem lá no fundo
Sentindo que preciso me esconder
Todo mundo se pergunta por que eu fico chapado
Porque eu não posso lutar contra o sentimento por dentro
Oh Deus
Oh meu Deus, eu disse oh Deus, sim

Sentir-me inocente em certo sentido me fez sentir em cima do muro
E toda essa porra é tão intensa
Não quero ir a este negócio
Só quero ficar em casa e inventar
E de alguma forma, sim, isso me deixa desabafar
Estou tirando fotos e bebendo licor
Mas essa merda não afeta o modo como estou me sentindo
E sim, eu estou disposto a continuar relaxando nessa merda
Eu sei que há alguém lá fora, longe
Quem está sentindo toda essa merda
E sim, eu sei que quando estou pra baixo
Há muito mais longe que eu posso ir
E então eu olho para o céu

Oh, meu Deus
Oh, meu Deus
(Oh Deus, oh Deus) oh meu Deus, oh meu Deus
(Oh Deus, oh Deus) oh meu Deus, oh meu Deus
(Eu disse, Deus!)

Eu sinto o ariano no meu sangue, é mais assustador do que um sangue
Procurando água benta, agora estou orando por uma inundação
Parece que o tempo passa mais devagar que uma lesma
Enquanto esse sentimento dentro do meu corpo se infiltra como uma droga
Você vai me abraçar, me esfregar nas costas como uma criança?
Diga-me que você me ama, precisa de mim
Me prometa que nunca me deixará
Mesmo que meu pai, você sabe que ele é mais preto que a rua
Com um punho a condizer, mais sólido que o concreto
Diga às pessoas brancas que sou negra, sinta necessidade de recuar
Como se eu tivesse vergonha do meu avô malik
Mas meus lindos irmãos e irmãs negros
Quer agir como se eu fosse adotado
Voltar no tempo para quando meu pai era negro
Encontrado a minha mãe e ter parado com isso

Oh, meu Deus (oh, meu Deus)
Oh, Deus! (oh, meu Deus)
Eu disse oh Deus (oh, meu Deus)

Mãe solteira rezando in-a-gadda-da-vida
Procurando no chão uma serpente para alimentá-la
Orando a Deus, perguntando-se por que seu pai bebê bateu nela
Sentindo-se como o diabo finna vir e derrotá-la
Mãe solteira rezando in-a-gadda-da-vida
Procurando no chão uma serpente para alimentá-la
Orando a Deus, perguntando-se por que seu pai bebê bateu nela
Sentindo-se como o diabo pudesse vir e derrotá-la
Mãe solteira rezando in-a-gadda-da-vida
Procurando no chão uma serpente para alimentá-la
Orando a Deus, perguntando-se por que seu pai bebê bateu nela
Sentindo-se como o diabo finna vir e derrotá-la
Sozinho no inverno, perto do aquecedor
Pensando no que vai acontecer
E como o mundo vai tratá-la
Como sua mãe poderia enganá-la
E o pai dela a deixou?
Como abracadabra quando aquele mágico puxa a alavanca

Oh Deus
Oh, Deus, Deus, Deus, meu Deus
Ohhh
Oh, Deus, Deus, Deus, meu Deus
Oh, Deus
Não me sinto bem lá no fundo
Sentindo que preciso me esconder
Todo mundo se pergunta por que eu fico chapado
Porque eu não posso lutar contra o sentimento por dentro
Oh meu, meu, meu
Oh meu, eu disse oh meu

Às vezes eu não consigo tirar você da minha mente
Baby, não, eu simplesmente não consigo achar, eu simplesmente não consigo encontrar
Um estado de espírito tão bonito
Belo estado de espírito, um estado de espírito tão bonito
Belo estado de espírito
Às vezes todos os dias na hora certa
Mas agora na minha mente
Parece que estou vivendo com tempo emprestado

Eu sinto o ariano no meu sangue, é mais assustador do que um sangue
Procurando água benta, agora estou orando por uma inundação
Parece que o tempo passa mais devagar que uma lesma
Enquanto esse sentimento dentro do meu corpo se infiltra como uma droga
Você vai me abraçar, me esfregar nas costas como uma criança?
Diga-me que você me ama, precisa de mim
Me prometa que nunca me deixará
Mesmo que meu pai, você sabe que ele é mais preto que a rua
Com um punho a condizer, mais sólido que o concreto
Diga às pessoas brancas que sou negra, sinta necessidade de recuar
Como se eu tivesse vergonha do meu avô malik
Mas meus lindos irmãos e irmãs negros
Quer agir como se eu fosse adotado
Voltar no tempo para quando meu pai era negro
Encontrado a minha mãe e ter parado com isso

Meu oh meu, oh meu Deus
Sentindo-se inocente, oh Deus
Sentir-me inocente em certo sentido me fez sentir em cima do muro
E toda essa parada é tão intensa
Não quero ir a este negócio
Só quero ficar em casa e inventar
E de alguma forma, sim, isso me deixa desabafar
Estou tirando fotos e bebendo licor
Mas essa merda não afeta o modo como estou me sentindo
E sim, eu estou disposto a continuar relaxando nessa merda
Eu sei que há alguém lá fora, longe
Quem está sentindo toda essa merda
E sim, eu sei que quando estou baixo
Há muito mais longe que eu posso ir
E então eu olho para o céu, para o céu
Como uma mãe solteira rezando in-a-gadda-da-vida
Procurando no chão uma serpente para alimentá-la
Orando a Deus, perguntando-se por que seu pai bebê bateu nela
Sentindo-se como o diabo pudesse vir e derrotá-la
Sozinho no inverno, perto do aquecedor
Pensando no que vai acontecer
E como o mundo vai tratá-la
Como sua mãe poderia enganá-la
E o pai dela a deixou?
Como abracadabra quando aquele mágico puxa a alavanca
Como sua mãe poderia enganá-la
E o pai dela a deixou?
Como abracadabra quando aquele mágico puxa a alavanca
Como sua mãe poderia enganá-la
E o pai dela a deixou?
Como abracadabra quando aquele mágico puxa a alavanca
Como sua mãe poderia enganá-la
E o pai dela a deixou?
Como abracadabra quando aquele mágico puxa a alavanca
Como sua mãe poderia enganá-la
E o pai dela a deixou?
Como abracadabra quando aquele mágico puxa a alavanca
Oh Deus

E agora?
Que conselho você pode me dar?
Que conselho eu posso dar à humanidade?
Eu suponho que sim
Viva sua vida
Não perca seus dias com a energia negativa de outras pessoas
Lembre-se de que você não é seu salário
Você não é sua casa, você não é seu carro
E não importa o tamanho da sua conta bancária
Seu túmulo está a dois metros e meio, como todo mundo
Então aproveite os dias que você tem
Não se preocupe com os dias que vieram antes de você
Nem os que te seguirão na morte
Lembre-se de que aqui neste momento é tudo que você está garantido
E o fato de você estar vivendo é sobre o que é a vida
Então viva sua vida ao máximo
De acordo com a sua felicidade e a melhoria de todos

Caramba, andamos para sempre
Bem, o sistema de rastreamento da thalia diz que estaremos lá em pouco mais de uma hora
Merda, pelo menos temos uma boa música para caminhar, né?
Oh não, cara
Estou lançando o quarto álbum agora, o último

Um dois três quatro
Um, dois, três, quatro, ouça
Olhe nos meus olhos
Diga-me que você pode ver além do sorriso que eu estou colocando
Esta frente que eu estou colocando para você
Eu derramei minha alma em um microfone
Com poemas escritos em sangue
Na esperança de que seja o suficiente para você
Você me ama ainda?
Você me ama ainda?
Não? Ok
Eu vou mais difícil para você
Na verdade, eu bato até desmaiar
Tudo que eu queria era aceitação, minha última lição
Eu nunca sentirei sua aprovação até aceitar minha própria
Venha de uma casa bagunçada, carente e menos informado
Sobre as maneiras de criar um filho
Para não se tornar um produto
Do ambiente dele, eu preciso chorar e desabafar
Mas eu construí esse muro
Agindo como se tudo estivesse bem
Mas, na realidade, estou procurando por algo
Ao bater meus rappers favoritos, eu vim depois
Nas, cole e hov
Olhos fechados, eu zona até mais ou menos cinco da manhã '
Estou acostumado a ficar sozinho
Merda, você sabe há quanto tempo estou sozinha?
Perseguindo sonhos, fantasias de um trono
Um dia eu acordo e vejo que isso não existia o tempo todo
Até então eu vou escrever versos que os fãs consideram brilhantes
Impulsionando meu ego com cada milhão que derrama
E ainda assim
Não vou encontrar consolo, então, onde está a lógica nisso?
Preocupar-se se eles acham que a lógica pode fazer rap
Quando tudo volta à infância, precisa ser amado
Por pais que estavam muito profundos com as drogas
Nigga, meu conselho, foda-se a merda em preto e branco
Seja quem você é, identifique-se como uma estrela
Ninguém te diz que você é aquele
É algo que você apenas sabe
O mundo está roubando seu brilho
Sua mãe fez o que pôde
Sua vida estava a milhas de boas
Seu pai caiu na armadilha
Eles definem para você quando você preto
Eles se conheceram quando estavam baixos
E, portanto, você é um produto disso
E assim seu trauma é profundo
Não o enterre, você deveria chorar
E limpe-o do seu sistema e perdoe-os verdadeiramente
Apenas minha opinião, só então você pode encontrar a paz
Basta começar a perceber que a felicidade não vem do lançamento do álbum
Eu já passei por isso antes
Só posso compartilhar com você o que eu sei
Para ser verdade, mas ao mesmo tempo, nunca serei você
E você nunca será eu, não importa o quanto tente
Isto é para jovens lá fora, querendo saber até onde você pode voar
A verdade é que você poderia ir além das estrelas e do céu
Mas se você quiser, deve saber por que
Você está fugindo de algo
Com esperanças de se tornar alguém
Finalmente digno de amor
Deixe-me dizer agora, você é digno o suficiente
Foda-se a aprovação de estranhos, essa merda é perigosa como o inferno
Encontre Deus, aprenda a se aceitar
E eu fui embora, aceite-o

Enviada por Marcos e traduzida por Davi. Revisões por 2 pessoas.
Viu algum erro? Envie uma revisão.

Dicionário de pronúncia

Ver mais palavras

Posts relacionados

Ver mais no Blog