Todavia Me Alegrarei

Leandro Cruz

Eu tenho um Deus
Que não vai deixar
Essa luta me matar
O desespero me tomar
Por mais pressão que seja
A situação
O controle ainda está
Na palma de suas mãos

Eu tenho um Deus
Que não vai deixar
Essa luta me matar
Desespero me tomar
Por mais pressão que seja
A situação
O controle ainda está
Na palma de suas mãos

O choro dura uma noite, mas a alegria
Ela vem pela manhã
Eu creio, eu creio
O choro dura uma noite, mas a alegria
Ela vem pela manhã
Eu creio, eu creio

Ainda que a figueira não floresça
E não haja fruto na vide
E o produto da oliveira minta
Todavia eu me alegrarei
Todavia eu me alegrarei
Todavia eu me alegrarei
Ainda que a figueira não floresça
E não haja fruto na vide
E o produto da oliveira minta
Todavia eu me alegrarei
Todavia eu me alegrarei
Todavia eu me alegrarei

O choro dura uma noite, mas a alegria
Ela vem pela manhã
Eu creio, eu creio
O choro dura uma noite, mas a alegria
Ela vem pela manhã
Eu creio, eu creio, ooh

Ainda que a figueira não floresça
E não haja fruto na vide
Que o produto da oliveira minta
Todavia eu me alegrarei
Todavia eu me alegrarei
Ainda que a figueira não floresça
E não haja fruto na vide
E que o produto da oliveira minta
Todavia eu me alegrarei
Todavia eu me alegrarei

Ainda que a figueira não floresça
Nem haja fruto na vide
Ainda que falhe o produto da oliveira

Ainda que a figueira não floresça
E não haja fruto na vide
E o produto da oliveira minta
Todavia eu me alegrarei
Todavia me alegrarei
Ainda que a figueira não floresça
E não haja fruto na vide
E o produto da oliveira minta
Todavia eu me alegrarei
Todavia me alegrarei

Eu me alegro em Ti, Senhor

Enviada por Warley. Revisões por 4 pessoas.
Viu algum erro? Envie uma revisão.

Posts relacionados

Ver mais no Blog


Mais músicas de Leandro Cruz

Ver todas as músicas de Leandro Cruz