LETRAS.MUS.BR - Letras de músicas

Império

Knust

Ayy, chama que vem, aproveita a fama
Porque essa porra ainda é passageira
Gasta por noite um paco de grana
Faz show de novo e enche a carteira
Não levo problema pra minha cama
Entendeu? Garota, não é brincadeira

Nunca rendi muito pra essas coisa
E pra teu azar tu não é a primeira, é
Impossível para aquele que nasce pra missão (nasce pra missão)
Sou apenas o resultado dessa equação, ayy
E eu não fui enviado em vão
Tô por amor, mas nunca neguei o cifrão
Nunca fiz estágio, hoje lota o estado
E sabe de onde eu vim, mas nunca minha ambição, ayy

Nego, eu tô vendo daqui de cima
Tô vivendo o que tem de melhor
Império que eu construí com rima
Isso não se ensina pra digno de dó, ayy
Nego, eu tô vendo daqui de cima
Tô vivendo o que tem de melhor, é

Superando forças invisíveis
Ambição por coisas impossíveis
Sonho alto, sou jovem
Mas não quero só o que convém
Sem perder equilíbrio, líder libertário
Livre dos horário querendo a saída
Livre dos otário sem perspectiva
Significativa

Outro dia percebi que vim do céu
Tipo filho de Apolo regendo o Sol
Trago a poesia, sou a profecia
Entre apologias libertando o réu
Me liberto em livros e minha depressão
Só tem me fortalecido enquanto não me mata
O problema é que agora eu crio tendência
E todas minhas tendências são psicopatas

Nego, eu tô vendo daqui de cima
Tô vivendo o que tem de melhor
Império que eu construí com rima
Isso não se ensina pra digno de dó, ayy
Nego, eu tô vendo daqui de cima
Tô vivendo o que tem de melhor, é
Império que eu construí com rima
Isso não se ensina pra digno de dó, ayy

Posts relacionados

Ver mais no Blog