Eu Já Nasci Peão

João Carreiro

Eu já nasci assim
Sertanejo de verdade
E caibo dentro de mim
Raiz e simplicidade

Amigo da natureza
Apaixonado no sertão
Que toca sua viola
E defende a tradição

Levanto cedo e saio pra lida
É hora de trabalhar
Estico o laço e faço a armada
Não deixo o boi escapar

É assim que eu sou
É assim que eu sou

Monto em touro
Só pra ver o mundo girar
Quem tem paixão
Não sente o medo que dá
Jogo o chapéu
E piso firme lá no chão
Nasci pra ser peão

Monto em touro
Só pra ver o mundo girar
Quem tem paixão
Não sente o medo que dá
Jogo o chapéu
E piso firme lá no chão
Nasci pra ser peão

Levanto cedo e saio pra lida
É hora de trabalhar
Estico o laço e faço a armada
Não deixo o boi escapar

É assim que eu sou
É assim que eu sou

Monto em touro
Só pra ver o mundo girar
Quem tem paixão
Não sente o medo que dá
Jogo o chapéu
E piso firme lá no chão
Nasci pra ser peão

Composição: João Carreiro
Enviada por Cassy.
Viu algum erro? Envie uma revisão.

Posts relacionados

Ver mais no Blog