Original Tradução Original e tradução
Quizá

Quizá
No tenga nada singular
Y se tengo defectos en mi andar

Tal vez
A veces fallo sin querer
Y sé que hasta me vuelve a suceder

Quizá
No tenga nada singular
Y se tengo defectos en mi andar

Tal vez
A veces fallo sin querer
Y sé que hasta me vuelve a suceder

Pero tengo algo más
Que me da libertad
Y sé que estoy bien

Es que él me ama
Tanto me ama
Que no lo puedo comprender
Es que él me ama
Tanto me ama
Que no lo puedo merecer
Me acepta tal cual soy

Quizá
No siempre logro obedecer
Y sé que al intentarlo fallaré
Más sé que él siempre llevara mis pies
Por sendas donde lograré crecer

Pero tengo algo más
Que me da libertad
Y sé que estoy bien

Es que él me ama
Tanto me ama
Que no lo puedo comprender
Es que él me ama
Tanto me ama
Que no lo puedo merecer

Es que el ama
Tanto me ama
Que no lo puedo comprender
Es que el ama
Tanto me ama
Que no puedo merecer
Me acepta tal cual soy

Talvez

Talvez
Não tem nada original
E sei que tenho falhas no meu caminhar

Talvez
Falho às vezes sem querer
E sei que isso sempre volta a acontecer

Talvez
Não tem nada original
E sei que tenho falhas no meu caminhar

Talvez
Falho às vezes sem querer
E sei que isso sempre volta a acontecer

Mas eu tenho algo mais
Que me dá liberdade
E eu sei que estou bem

É que me ama
Tanto me ama
E eu não consigo entender
É que me ama
Tanto me ama
E não posso merecer
Me aceita como sou

Talvez
Nem sempre consiga obedecer
E sei que ao tentar eu falharei
Mas sei que ele sempre guiará meus pés
Por caminhos que me farão crescer

Mas eu tenho algo mais
Que me dá liberdade
E eu sei que estou bem

É que me ama
Tanto me ama
E eu não consigo entender
É que me ama
Tanto me ama
E não posso merecer

É que me ama
Tanto me ama
E eu não consigo entender
É que me ama
Tanto me ama
E não posso merecer
Me aceita como sou

Enviada por Rebeca e traduzida por Tiago. Revisões por 5 pessoas.
Viu algum erro? Envie uma revisão.

Posts relacionados

Ver mais no Blog