Espírito Fraco

Infâmia

Atraído pra longe, descartável de vez
Caminhando sem rumo e desapontado
Ainda sou novo e já me sinto cansado
E continuo um filho ruim
Tempo livre me livro do tempo
Até daqui a pouco ou até nunca mais
Desculpe minha mãe e desculpe meu pai
Agora só eu posso me enganar

Através da noite
Nas horas da noite

Como se tudo que se passa por mim
Que se esvazia em ruir
Que me ajuda a iludir
Dê-me um pouco de paz
Dê-me um pouco de luz
Tanto vazio e menos produzo
E espírito fraco não ajuda a subir
E eu acho que preciso de você

Composição: Carlos Eduardo
Enviada por Banda.
Viu algum erro? Envie uma revisão.

Posts relacionados

Ver mais no Blog


Mais músicas de Infâmia

Ver todas as músicas de Infâmia