A Mi Me Gusta

Estopa

Original Tradução Original e tradução
A Mi Me Gusta

Raaa, pararaaa, rabarabaraba
Raaa, pararaaa, rabarabaraba

A mi me gusta saborearte
Lo que yo quiero tu ya lo sabes

Tocarte el pelo, verte desnuda
La única luz, la luz de la luna

Porque al sol de tu cuerpo
Yo le tengo ganas que yo me pongo moreno
De aquí a mañana, de aquí a mañana
Yo me estaré enredando entre tus telas de araña

Cierra tu ventana azul y mejor que no me digas nada
Toma mis ilusiones ya no las quiero

Tengo otras intenciones
Tocarte el pelo, tocarte el alma
Con la misma yema de mis dedos, que están perdiendo la calma

Dame un poquito de beber

Beberé el zumo de tu cuerpo hasta el amanecer
Beberte estoy esperando, tu cuerpo de mujer

Dame un poquito de beber
Beber hasta el amancer
Dame un poquito de beber
Dame un poquito de beber

Quiero decirte para convencerte
Quiero ponerme cerca para arroparte

Dame lo primero tus pertenencias
De lo de después, se encarga la ciéncia

Porque al son de tu cuerpo, mi mirada baila
Que te estoy cogiendo miedo, dando ventaja
Me estoy poniendo el traje de ilusión
Que yo me pongo de hombre araña
Y me pongo cabezón de aquí a mañana

Dame un poquito de beber

Beberé el zumo de tu cuerpo hasta el amanecer
Beberte estoy esperando tu cuerpo de mujer

Dame un poquito de beber, beber hasta el amancer
Dame un poquito de beber, dame un poquito de beber

Échale, échale
Échale, échale

Oh, oh, oh, oh
Échale, échale
Oh, oh, oh, oh
Raaa, pararaaa, rabarabaraba

Me agrada

Raaa, pararaaa, rabarabaraba
Raaa, pararaaa, rabarabaraba

Eu gosto de te saborear
O que eu quero você já sabe

Tocar o seu cabelo, te ver nua
Apenas a luz,a luz da lua

Porque ao sol do seu corpo
Eu tenho tanta vontade que fico bronzeado
Até amanhã, até amanhã
Eu estarei me embolando nas tuas teias de aranha

Feche a sua janela azul e melhor que não me diga nada
Toma minhas ilusões, já não as quero

Tenho outras intenções
Tocar o seu cabelo, tocar a sua alma
Com a mesma ponta dos meus dedos que estão perdendo a calma

Me dá um pouco de bebida

Beberei o suor do seu corpo até amanhecer
Beber estou te esperando teu corpo de mulher

Me dá um pouco de bebida
Beber até amanhecer
Me dá um pouco de bebida
Me dá um pouco de bebida

Quero te dizer para te convencer
Quero ficar perto para tirar sua roupa

Me da primeiro seus pertences
E o que vem depois se encarrega da ciência

Porque ao som do seu corpo, meu olhar dança
Que estou te correndo perigo, dando vantagem
Estou vestido a roupa da ilusão
E eu me visto de homem aranha
E fico maluco até amanhã

Me dá um pouco de bebida.

Beberei o suor do seu corpo até amanhecer
Beber estou te esperando teu corpo de mulher

Me dá um pouco de bebida, beberei até amanhecer
Me dá um pouco de bebida, me dá um pouco de bebida

Échale, échale
Échale, échale

Oh, oh, oh, oh
Échale, échale
Oh, oh, oh, oh
Raaa, pararaaa, rabarabaraba

Composição: David / José Muñoz
Enviada por Monique e traduzida por Flavia. Legendado por Jéssica. Revisões por 3 pessoas.
Viu algum erro? Envie uma revisão.

Posts relacionados

Ver mais no Blog


Mais músicas de Estopa

Ver todas as músicas de Estopa