Marine Snow

Diaura

Original Tradução Original e tradução
Marine Snow

boukyaku no kanata ni sashishimesu no wa
daremo shiranai umi no soko de

fuminijiru ashioto fusaide ita
me o tsubureba wasurerareta
sono tabi ni kisetsu wa nagarete itta
okubyouna kono kokoro o sekasu you ni

itsuka no kanashimi ga konayuki no you ni
furi kasanari totemo kirei de

marinsunou
mou sukoshi kono sekai o tsukuru
ichibu to shite de ii ikite itai yo
sunabokori mai kakusareta chiisana hikari yo
soko ni ite kawaranai mama de zutto

hitotsu no itami o oboeta nara
hitotsu nanika o wasurete iku
iki mo tomaru hodo no fuukei ni tokete
hitomitojite ishiki wa fukaku soko e

marinsunou
mou sukoshi kono sekai o tsukuru
ichibu to shite de ii ikite itai yo
sunabokori mai kakusa reta chiisana hikari yo
soko ni ite kawaranai mama de

hora mite goran sekai wa
mada kegasarete nankainai
tada sukoshi dake nigori sugita dake
sayonara janai
yakusoku wa kawarazu ni iki tsudzukete iku kara

marinsunou
mou sukoshi kono sekai o tsukuru
ichibu to shite de ii ikite itai yo
sunabokori mai kakusa reta chiisana hikari yo
soko ni ite kawaranai mama de

kawaranai mama de
utsukushii mama de

Neve marinha

Visando além do esquecimento
No fundo do mar que ninguém conhece

As pegadas em que pisei foram cobertas
Eu poderia esquecê-los quando fechasse meus olhos
Cada vez que as estações passam
Como se esse coração covarde estivesse disparado

Algum dia, como se a tristeza fosse poeira de neve
Vai se acumulando, é muito bonito

Neve marinha
Até para criar este mundo
Como uma boa parte, quero viver um pouco mais
Um pouco de luz se esconde dançando na poeira
Ele permanecerá lá inalterada Sempre

Se você se lembra de uma dor
Se você esquecer uma coisa
Eu derreto na paisagem que parou minha respiração
Eu fecho meus olhos e afundo minha consciência no fundo do abismo

Neve marinha
Até para criar este mundo
Como uma boa parte, quero viver um pouco mais
Um pouco de luz se esconde dançando na poeira
Ele permanecerá lá inalterada

Olhe! Observe o mundo
Ainda não contaminado
Só mais um pouco a nebulosidade vai passar
Não é um adeus
Minha promessa continuará a viver inalterada

Neve marinha
Até para criar este mundo
Como uma boa parte, quero viver um pouco mais
Um pouco de luz se esconde dançando na poeira
Ele permanecerá lá inalterada

Sem mudar
Ficando linda

Enviada por Felipe e traduzida por Felipe.
Viu algum erro? Envie uma revisão.

Posts relacionados

Ver mais no Blog


Mais músicas de Diaura

Ver todas as músicas de Diaura