Magra Existência

Bullet Course

Ouvir a realidade passar
Goteja magra existência
Vazio o vão da escuridão
São ventos desejáveis

Avistados num soro doloroso
Detalhes vagos esperançosos!
Debruçados entre a mera penumbra
Difuso com os encantos febris

Sentir a brisa murmurar
Traz as desventuras
Que outrora cantava
Os olhos que ardiam

E a mente delirava
Voava em única direção
Completo envolto de cinzas
Até que adormecia

Dormir alcançando versos
Acorrentado pelas lembranças
Sonhos aveludados
Ramos ao pó
Dilatam o esquecimento
Permanece mofado


Posts relacionados

Ver mais no Blog


Mais músicas de Bullet Course

Ver todas as músicas de Bullet Course