Arsenal

Bruttal

Pra quem achou que a minha revolta teria um fim,
Olha eu aqui, o estopim, pronto pra explodir,
Armado, engatilhado, com o cérebro afiado,
Complexo, irado, porém nunca abstrato,
Tenho respaldo no que falo e nas guerras que travo,
Sempre preparado com um arsenal pesado

Minha caneta é o fuzil, que atira quando escreve
É como uma rajada de ak 47
Num click eu vou engatilhar, to pronto pra disparar,
E o sistema que se prepare na hora que eu alvejar,
Suas leis, sua estrutura, toda sua conduta,
Minha palavra é a bala que te raja e perfura,
O ódio é total, cada vez mais bruttal,
Efeito colateral, lhe apresento com o arsenal,
Pra quem achou que faltaria raiva em minhas palavras
Ta aqui o resultado eu puxo o pino da granada

Uma rajada de palavras com teor letal,
Capsulas deflagradas de ideia real,
A fúria bélica, efeito moral,
Por aqui, arsenal, arsenal...
Uma ogiva nuclear de alta destruição,
Como um vulcão em erupção, meu cérebro em ação,
Ah, como eu queria falar de paz,
De uma maneira eficaz, me diga como faz,
Acho difícil, e mostro com o arsenal,
Fúria mental, eloquência fundamental

É assim, extrema persuasão,
Pra invadir sua mente com uma forte explosão,
Num click eu vou engatilhar, to pronto pra disparar,
E o sistema que se prepare na hora que eu alvejar,
Suas leis, sua estrutura, toda sua conduta,
Minha palavra é a bala que te raja e perfura,
O ódio é total, cada vez mais bruttal

Efeito colateral, lhe apresento com o arsenal,
Pra quem achou que faltaria raiva em minhas palavras,
Ta aqui o resultado eu puxo o pino da granada
Uma rajada de palavras com teor letal,
Capsulas deflagradas de ideia real,
A fúria bélica, efeito moral,
Por aqui, arsenal, arsenal

Composição: Alan Ldf
Enviada por Rafael.
Viu algum erro? Envie uma revisão.

Posts relacionados

Ver mais no Blog


Mais músicas de Bruttal

Ver todas as músicas de Bruttal