Copacabana

Barry Manilow

Original Tradução Original e tradução
Copacabana

Her name was Lola, she was a showgirl
With yellow feathers in her hair and a dress cut down to there
She would merengue and do the cha-cha
And while she tried to be a star, Tony always tended bar

Across the crowded floor
They worked from eight till four
They were young and they had each other
Who could ask for more?

At the Copa, (Copa) Copacabana (Copacabana)
The hottest spot north of Havana (here)
At the Copa, (Copa) Copacabana
Music and passion were always the fashion
At the Copa, they fell in love (Copa, Copacabana)

His name was Rico, he wore a diamond
He was escorted to his chair, he saw Lola dancing there
And when she finished, he called her over
But Rico went a bit too far, Tony sailed across the bar

And then the punches flew
And chairs were smashed in two
There was blood and a single gunshot
But just who shot who?

At the Copa, (Copa) Copacabana (Copacabana)
The hottest spot north of Havana (here)
At the Copa, (Copa) Copacabana
Music and passion were always the fashion
At the Copa, she lost her love (Copa, Copacabana)

(Copa, Copacabana)
(Copacabana)
(Music and passion)
(Always in fashion)

Her name is Lola, she was a showgirl
But that was thirty years ago, when they used to have a show
Now it's a disco, but not for Lola
Still in the dress she used to wear, faded feathers in her hair

She sits there so refined
And drinks herself half-blind
She lost her youth and she lost her Tony
Now she's lost her mind

At the Copa, (Copa) Copacabana (Copacabana)
The hottest spot north of Havana (here)
At the Copa, (Copa) Copacabana
Music and passion were always the fashion
At the Copa, don't fall in love (Copa, Copacabana)
Don't fall in love (Copacabana, Copacabana)

(Copa, Copacabana)
(Copacabana, Copacabana)

Copacabana

Seu nome era Lola, ela era uma dançarina
Com penas amarelas no cabelo e um vestido curtinho
Ela dançava o merengue e o cha-cha
E, enquanto ela tentava ser uma estrela, Tony sempre atendia o bar

Ao redor da pista lotada
Eles trabalhavam das oito às quatro
Eles eram jovens e eles tinham um ao outro
Quem poderia pedir mais?

No Copa, (Copa) Copacabana, (Copacabana)
O lugar mais badalado do norte de Havana (aqui)
No Copa, (Copa) Copacabana
Música e paixão estavam sempre na moda
No Copa, eles se apaixonaram (Copa, Copacabana)

Seu nome era Rico, ele usava um diamante
Ele foi levado até sua cadeira, ele viu Lola dançando lá
E quando ela terminou, ele a chamou
Mas Rico foi longe demais, Tony atravessou o bar

E então os socos voaram
E cadeiras foram partidas ao meio
Houve sangue e um único tiro
Mas quem atirou em quem?

No Copa, (Copa) Copacabana, (Copacabana)
O lugar mais badalado do norte de Havana (aqui)
No Copa, (Copa) Copacabana
Música e paixão estavam sempre na moda
No Copa, ela perdeu seu amor (Copa, Copacabana)

(Copa, Copacabana)
(Copacabana)
(Música e paixão)
(Sempre na moda)

Seu nome é Lola, ela era uma dançarina
Mas isso foi há trinta anos, quando eles costumavam ter um show
Agora é uma discoteca, mas não para Lola
Ainda com o vestido que costumava usar, penas desbotadas no cabelo

Ela se senta lá tão refinada
E bebe até ficar bêbada
Ela perdeu sua juventude e perdeu seu Tony
Agora ela sua sanidade

Na Copa, (Copa) Copacabana (Copacabana)
O lugar mais badalado do Norte de Havana (aqui)
Na Copa, (Copa) Copacabana
Música e paixão estavam sempre na moda
No Copa, não se apaixone (Copa, Copacabana)
Não se apaixone (Copacabana, Copacabana)

(Copa, Copacabana)
(Copacabana, Copacabana)

Composição: Jack Feldman / Bruce Sussman / Barry Manilow
Legendado por Laís. Revisões por 8 pessoas.
Viu algum erro? Envie uma revisão.

Dicionário de pronúncia

Ver mais palavras

Posts relacionados

Ver mais no Blog


Mais músicas de Barry Manilow

Ver todas as músicas de Barry Manilow