Pode Ser Mentira

Al Mouraria

Cuidado menino, cuidado
Não esperes que as voltas se mudem
Repara que estás enganado
E que as aparências iludem

Não fales com tanta firmeza
Mentiras não servem p'ra mim
Se a gente não tem a certeza
Não vai afirmar que é assim

Jurar que se gosta duma coisa gira
Pode ser mentira, pode ser mentira
Mas na brincadeira, sem haver maldade
Pode ser verdade, pode ser verdade
Quando a gente passa e um rapaz suspira
Pode ser mentira, pode ser mentira
Mas se for um homem já de certa idade
Pode ser verdade, pode ser verdade

Juízo menino, juízo
Teimar às vezes é toleima
Mas todo o cuidado é preciso
Se a gente não sabe, não teima

Que o velho possui muitas capas
Que tapa o que mais lhe convém
Mas esse maldito destapa
Com uma outra capa que tem

Jurar que se gosta duma coisa gira
Pode ser mentira, pode ser mentira
Mas na brincadeira, sem haver maldade
Pode ser verdade, pode ser verdade
Quando a gente passa e um rapaz suspira
Pode ser mentira, pode ser mentira
Mas se for um homem já de certa idade

Composição: Frederico de Brito
Enviada por Mário.
Viu algum erro? Envie uma revisão.

Posts relacionados

Ver mais no Blog


Mais músicas de Al Mouraria

Ver todas as músicas de Al Mouraria