Imigrante

Moacyr Franco

Imigrante sonhador
Que me ensinou a cantar
Que falava de um amor
Que deixou pra lá do mar

Imigrante tão sozinho
Velho do meu coração
Eu voltei pra beber vinho
Pra lembrar tua canção

É primavera
Em algum lugar
Alguém te espera
Além do mar

Os teus olhos tão azuis
De sonhar de madrugada
Se apagaram de uma vez
Aportar em outro cais

Velho amigo adormeceu
Nem sequer me disse adeus
Não faz mal não tem de quê
Vai que eu canto por você

Composição: Expedito Faggioni
Enviada por fernando.
Viu algum erro? Envie uma revisão.

Posts relacionados

Ver mais no Blog