Memento Mori

Lamb of God

Original Tradução Original e tradução
Memento Mori

By the darkest river
Beneath the leafless trees
I think I'm drowning
This dream is killing me
(Wake up, wake up, wake up)
In the coldest winter
Between the fading lights
I feel I'm falling into a frozen sky
(Wake up, wake up, wake up)
Past the blackest heaven
Above the dying stars
I watch me breaking into a million shards
(Wake up, wake up, wake up)
But through the hardest hour
Below the cruelest sign
I know I'm waking up from this wretched lie
(Wake up, wake up)
Wake up

A depression fed by overload
False perceptions, the weight of the world
A universe in the palm of your hand
The artifice of endless strands

Distraction flows down an obsessive stream
Rejection grows into oppressive screams

The hardest hour, the cruelest sign
I'm waking up from this wretched lie
I fight it the same, don't waste this day
Wake up, wake up, wake up
Memento mori

The regression of advancing modes
And imperial corrosive nodes
A prime directive to disconnect
Reclaim yourself and resurrect

Distraction flows down an obsessive stream
Rejection grows into oppressive screams

The hardest hour, the cruelest sign
I'm waking up from this wretched lie
I fight it the same, don't waste this day
Wake up, wake up, wake up
Memento mori

There's too many choices
And I hear their relentless voices
But you've gotta run them out
Return to now and shut it down
Shut it down
A depression fed by overload
False perceptions, the weight of the world
Because there's too many choices
Gotta kill their relentless voices
(Wake up, wake up)
I know I'm waking up from this wretched lie

The hardest hour, the cruelest sign
I'm waking up from this wretched lie
I fight it the same, don't waste this day
Wake up, wake up, wake up
Wake up, wake up, wake up
Memento mori
Memento mori

Lembre-se da Morte

Pelo rio mais escuro
Debaixo das árvores sem folhas
Acho que estou me afogando
Esse sonho está me matando
(Acorde, acorde, acorde)
No inverno mais frio
Entre as luzes apagadas
Eu sinto que estou caindo em um céu congelado
(Acorde, acorde, acorde)
Passado o céu mais escuro
Acima das estrelas moribundas
Eu me vejo invadindo um milhão de fragmentos
(Acorde, acorde, acorde)
Mas durante a hora mais difícil
Abaixo do sinal mais cruel
Eu sei que estou acordando dessa mentira miserável
(Acorde, acorde)
Acorde

Uma depressão alimentada por sobrecarga
Falsas percepções, o peso do mundo
Um universo na palma da sua mão
O artifício de fios infinitos

Distração flui por um fluxo obsessivo
A rejeição cresce em gritos opressivos

A hora mais difícil, o sinal mais cruel
Estou acordando dessa mentira miserável
Eu luto da mesma forma, não perca este dia
Acorde, acorde, acorde
Lembre-se da morte

A regressão dos modos avançados
E nós corrosivos imperiais
Uma diretiva principal para desconectar
Recupere-se e ressuscite

Distração flui por um fluxo obsessivo
A rejeição cresce em gritos opressivos

A hora mais difícil, o sinal mais cruel
Estou acordando dessa mentira miserável
Eu luto da mesma forma, não perca este dia
Acorde, acorde, acorde
Lembre-se da morte

Há muitas opções
E eu ouço suas vozes implacáveis
Mas você precisa executá-los
Volte para agora e desligue-o
Desligue isso
Uma depressão alimentada por sobrecarga
Falsas percepções, o peso do mundo
Porque há muitas opções
Tem que matar suas vozes implacáveis
(Acorde, acorde)
Eu sei que estou acordando dessa mentira miserável

A hora mais difícil, o sinal mais cruel
Estou acordando dessa mentira miserável
Eu luto da mesma forma, não perca este dia
Acorde, acorde, acorde
Acorde, acorde, acorde
Lembre-se da morte
Lembre-se da morte

Composição: Josh Wilbur
Enviada por Jean e traduzida por G.. Legendado por Renio. Revisão por Joker.
Viu algum erro? Envie uma revisão.

Dicionário de pronúncia


Posts relacionados

Ver mais no Blog


Mais músicas de Lamb of God

Ver todas as músicas de Lamb of God