Frenesi

Fagner

A felicidade corre sem parar
Bela é uma cidade velha
Na velocidade a tarde leva o teu olhar
Longe descansar na estrela

E um corpo passa por mim
Água do rio na areia
Adormecendo assim
Esta pedra em mim
E meu leito clareia

Doce paixão, frenesi
Doce ilusão, moça bela
A solidão mora aqui
E a cidade é sem fim
Qual a tua janela?

Tudo igual, tal e qual
Fosse paixão
Tudo igual, tal e qual
Fosse paixão

A felicidade corre sem parar
Bela é uma cidade velha
Na velocidade a tarde leva o teu olhar
Longe descansar na estrela

E um corpo passa por mim
Água do rio na areia
Adormecendo assim
Esta pedra em mim
E meu leito clareia
Clareia

Doce paixão, frenesi
Doce ilusão, moça bela
A solidão mora aqui
E a cidade é sem fim
Qual a tua janela?

Tudo igual, tal e qual
Fosse paixão
Tudo igual, tal e qual
Fosse paixão
Tudo igual, tal e qual
Fosse paixão

Composição: Petrucio Maia / Fausto Nilo e Ferreirinha
Revisões por 2 pessoas.
Viu algum erro? Envie uma revisão.

Posts relacionados

Ver mais no Blog