Beiral

Djavan

Eu juro
Te querer enquanto o ouro
Do turno da tarde
Cair no beiral
Foi como Eu disse a você

Sem lhe ter falado
Meu lado
Luz acesa de pescador
Bom de mar
Quer me ver sonhar

Traz a tua vida
Mais pra perto de mim
Tarde cai
E na descida se acabou de ver
O sol do lavrador

Brilhara, gritara na sua luz
Fez sinal
Que um dia desse
Deus dará em dobro
E finalmente se escondeu

A noite vem, que vem
E Eu ali
Mas não tava à toa
Tava contente
Tava com meu Bem

Num canto da mente
Mas não tava à toa
Tava contente
Tava com meu Bem

Num canto da mente
Eu juro
Perto de mim
Mas não tava à toa
Tava contente
Tava com meu Bem

Num canto da mente
Mas não tava à toa
Tava contente
Tava com meu Bem

Composição: Djavan
Revisões por 2 pessoas.
Viu algum erro? Envie uma revisão.

Posts relacionados

Ver mais no Blog


Mais músicas de Djavan

Ver todas as músicas de Djavan