Biografias

Integrantes do Led Zeppelin: conheça a trajetória dos roqueiros

Por Érika Freire

9 de Outubro de 2021, às 19:00


Formado em Londres, em 1968, o Led Zeppelin foi uma das maiores bandas da história do rock, e seus integrantes, Jimmy Page, Robert Plant, John Bonham e John Paul Jones, viveram intensamente tudo o que o universo do rock oferecia na década de 70.

Além de músicas icônicas, muito sexo, drogas e brigas envolveram os integrantes do Led Zeppelin, que também tinham muito interesse pelo ocultismo e abordaram isso em suas composições e capas de discos.

Led Zeppelin
Créditos: Divulgação

Apesar da trajetória curta, cerca de 12 anos, eles transformaram a história da música. Lançaram oito discos e foram os grandes responsáveis por disseminar algumas vertentes do rock, como o hard rock, blues rock e heavy metal, além de outras misturas de estilos. 

Nada disso seria possível sem as figuras emblemáticas por trás do Led Zeppelin. Por isso, vamos conhecer um pouco mais sobre os integrantes da banda. 

Integrantes do Led Zeppelin

Saiba mais sobre os integrantes dessa banda icônica: 

Jimmy Page 

Considerado um dos maiores guitarristas da história do rock, James Patrick Page, conhecido como Jimmy Page, nasceu em 1944, em Heston, uma aldeia localizada a oeste de Londres.

Antes de se tornar guitarrista do Led Zeppelin, Jimmy Page fez parte da banda Yardbirds, de 1966 até 1968. Mestre dos riffs, Page chegou a ser um dos guitarristas de sessão mais procurados da Inglaterra em meados dos anos 60.

Jimmy Page, integrante do Led Zeppelin
Créditos: Divulgação

Quando sua família se mudou, em 1952, para Feltham, Page encontrou a sua primeira guitarra, que havia sido deixada na casa. Ele tinha 12 anos quando começou a tocar, aprendendo boa parte sozinho, sendo influenciado por Scotty Moore, James Burton, além dos guitarristas de rockabilly.

Uma curiosidade sobre Jimmy Page é que ele chegou a morar um tempo no Brasil, entre 94 a 2008. O local escolhido pelo guitarrista foi a Bahia, na cidade de Lençóis, onde costumava andar bem à vontade, com roupas simples, e tomar uma cachacinha de vez em quando. 😆

Os detalhes da vida do guitarrista no país são narrados no livro de Leandro Souto Maior, chamado Jimmy Page no Brasil.  

A vida amorosa do músico sempre foi bem agitada, desde a época do Led Zeppelin. Page foi casado duas vezes, a primeira com a modelo Patricia Ecker, com quem teve um filho. 

Jimmy Page
Créditos: Divulgação

Depois, se casou com a argentina Jimena Gómez-Paratcha, com quem viveu no Brasil, e da relação o músico teve mais dois filhos. Em 2008 ele se divorciou, mas hoje mantém um relacionamento sério com a poetisa Scarlett Sabet.  

Page é um dos integrantes que têm interesse pelo ocultismo desde os anos 70, e pela obra de Aleister Crowley.

Robert Plant 

Robert Anthony Plant nasceu em 1948, em West Bromwich, na Inglaterra. Parece até loucura imaginar que Plant entrou no Led Zeppelin como segunda opção, após Terry Reid recusar o convite para ser o vocalista da banda.

Robert Plant, integrante do Led Zeppelin
Créditos: Divulgação

Carismático e com seus longos cachos loiros, Robert Plant logo chamou a atenção nos palcos pelo estilo único, tanto de cantar como de se vestir. Era um grande intérprete de blues e folk e logo ficou conhecido pelo vocal poderoso, que influenciou muitos músicos, como Freddie Mercury, Axl Rose, Kurt Cobain, e Rob Halford.

Antes de ganhar fama com o Led Zeppelin, Plant teve uma banda chamada Band of Joy, com o baterista John Bonham, em 1965. Em 2009, ele retomou o projeto para a realização de uma turnê.

Muito amigo de John Bonham, juntos eles costumavam, quando jovens, roubar gasolina de carros para conseguir dinheiro para irem a shows.

Na vida sentimental, Robert precisou enfrentar momentos complicados. Se casou em 1968 com Maureen Wilson e teve três filhos. Um deles, Karac, nascido em 72, faleceu por conta de um vírus no estômago. 

A fatalidade inspirou Plant a escrever o sucesso All of My Love. O cantor se divorciou de Maureen Wilson em 1983, e acabou se envolvendo com a irmã de sua ex-esposa, Shirley Wilson, com quem teve mais um filho. 

Robert Plant
Créditos: Divulgação

Após o fim do Led Zeppelin, Robert Plant conseguiu se firmar em uma carreira solo muito elogiada, com 9 álbuns lançados. Ele foi eleito pela Rolling Stone como o 15º melhor cantor da história.  

John Bonham 

O lendário baterista do Led Zeppelin, John Henry Bonham nasceu em Redditch, em 1948 e entrou para a história por revolucionar o jeito de se tocar baterista. Muito admirado e respeitado até hoje, John Bonham começou a tocar aos 5 anos, batucando em caixotes e latas de café.

John Bonham, integrante do Led Zeppelin
Créditos: Divulgação

Autodidata, Bonham era reconhecido por sua velocidade, potência, agressividade e destreza para misturar sons. Ganhou sua primeira bateria aos 15 anos e tinha como ídolos os bateristas Gene Krupa e Buddy Rich. 

Em 1964, formou a primeira banda, Terry Webb and The Spiders e, posteriormente, tocou em outras duas antes de entrar para o Led Zeppelin: The Blue Star Trio e The Senators.

Bonham se casou cedo, quando tinha apenas 17 anos, com Pat Phillips, com quem teve dois filhos, Zoë Bonham e Jason Bonham, que seguiu o caminho do pai e se tornou baterista.

Foi o amigo Robert Plant que indicou Bonham para integrar o Led Zeppelin, e ele fez muito sucesso com seus solos de bateria que duravam quase 30 minutos. O músico influenciou muitos dos bateristas do hard rock e do heavy metal que surgiram depois.

John Bonham
Créditos: Divulgação

Como era muito apegado à sua família, ele sofria durante as turnês em que precisava ficar longe. Para tentar controlar a ansiedade, costumava consumir álcool descontroladamente. 

Seu comportamento acabou em uma fatalidade e no dia 24 de setembro de 1980, após beber cerca de quarenta doses de vodca, morreu asfixiado pelo próprio vômito enquanto dormia. 

Depois da morte do baterista, os integrantes do Led Zeppelin decidiram terminar a banda. Ele foi o responsável por um dos melhores solos de bateria de todos os tempos por conta de sua performance na música Moby Dick.

John Paul Jones

John  Baldwin foi o único integrante da banda a adotar um nome artístico, John Paul Jones. O baixista do Led Zeppelin também toca teclado, bandolim, koto, gaita e ukulele, e nasceu em 1946, em Sidcup, Inglaterra.

John Paul Jones, integrante do Led Zeppelin
Créditos: Divulgação

Foi com o pai, Joe Baldwin, que o multi-instrumentista aprendeu a tocar teclado. Aos 15  anos, tocou em sua primeira banda, The Deltas. Como excelente músico que era, foi muito requisitado, antes de entrar no Led Zeppelin, para tocar com Rod Stewart, Jeff Beck, Cat Stevens e até com os Rolling Stones.

Jimmy Page conhecia o trabalho de John Baldwin por conta de colaborações que o músico fez no The Yardbirds. Por isso, não pensou duas vezes em chamar o baixista quando decidiu formar o Led Zeppelin.

Serviu de grande influência para outros baixistas talentosos, como Flea, Steve Harris, Krist Novoselic, John Deacon, Geddy Lee e Gene Simmons. Dentre os integrantes do Led Zeppelin, foi o que teve a carreira mais versátil, tendo participado e contribuído em bandas e artistas de diferentes estilos.

John Paul Jones
Créditos: Divulgação

Baldwin criou, por exemplo, o arranjo de cordas da música She’s a Rainbow, do Rolling Stones, tocou baixo no álbum Give My Regards to Broad Street, do Paul McCartney, além de ter colaborado com bandas como Foo Fighters, Heart, R.E.M, entre outras. 

Descubra a música do Led Zeppelin que te representa

Como podemos ver, o talento e a personalidade dos integrantes do Led Zeppelin ajudaram a construir o que acabou se tornando uma das maiores potências do rock.

É fã da banda? Que tal responder ao nosso quiz e descobrir qual música do Led Zeppelin te representa?

quiz led zeppelin

Confira também: