E Chiove

Zizi Possi

Original Tradução Original e tradução
E Chiove

Comm'è stretta 'sta via
À 'ggente nun ce cape
Se fa 'na prucessione
Ca cammina chianu chianu
Nun è morto nisciuno
Num è 'o santo e nisciuno
Nun se sente na voce
E nun sona na campana
E intanto 'o core aspetta
Ca s'arapene 'e funtane

E chiove, n'capo 'e criature
Vulesse arravuglià 'sta luna cu 'na funa
Pe m'a purtà luntano
Pe m'a purtà luntano
Addo''o cielo che è cielo
Nun se fai mai scuro
E chiove, n'terra e nisciuno
Vulesse cummanà pe' spremmere e dulure
Dinto a 'stu ciummo amaro
Ca nun conosce 'o mare
Pecchè 'o mare è luntano eppure sta vicine
Ritornello

Comm'è llonga 'sta via
Pecchè nun sponta mai
Se perde dint' 'e 'pprete
'mmiezo 'e carte arravugliate
Sotto 'a l'evera 'e muro

Ca s'arrampeca e 'ggiura
'e jastemme de'journe
'e serate senza pane
E intanto 'o cuore aspetta
Ca s'arapene 'e funtane

E chiove, n'capo 'e criature...

E Chiove (Tradução)

Como é estreita esta rua
que as pessoas mal cabem
anadam em procissão
devagar, bem devagar
ninguém morreu
nem é dia de santo
não se houve nenhuma voz
nenhum sino toca
no entanto o coração ainda tem esperanças
que jorrem as fontes

E chove sobre as pessoas
quisera enlaçar a lua com uma corda
para me levar bem longe
para me levar bem longe
onde o céu seja um céu
que não escurece nunca
e chove em terra de ninguém
quisera ter o poder de diminuir a dor
neste rio amargo, que não conhece o mar
porque o mar está tão longe
e no entanto está tão perto
bis

Como é longa esta rua
que não termina mais
se perde em meio às pedras,
a papéis abandonados
sob a hera dos muros

que se alastram
como praga sobre os dias
e noites sem pão
no entanto o coração tem esperança
que jorrem as fontes

E chove sobre as pessoas...

Composição: Giuseppe Amoruso
Enviada por Eliane e traduzida por Laura.
Viu algum erro? Envie uma revisão.

Posts relacionados

Ver mais no Blog


Mais músicas de Zizi Possi

Ver todas as músicas de Zizi Possi