Metade de Um Abraço

Zé Vaqueiro

Tô num momento meio, assim, querendo pensar a dois
O meu tempo de solteiro já foi, sabe por quê?
Eu tô querendo dividir o travesseiro
E o egoísmo, quero repartir ao meio
Trocar metade de um abraço por inteiro
E digo logo que nada de passageiro
Quero me aquietar

Com alguém que possa me esperar pra um simples jantar
Daqueles que a gente nem prеcisa combinar
Que seja simples е barato, ou num restaurante caro
Mas que ela tenha sempre o mesmo brilho no olhar
Se acaso estiver, foi mais que um bom começo
Porque achei com quem dividir o endereço

Com alguém que possa me esperar pra um simples jantar
Daqueles que a gente nem precisa combinar
Que seja simples e barato, ou num restaurante caro
Mas que ela tenha sempre o mesmo brilho no olhar
Se acaso estiver, foi mais que um bom começo
Porque achei com quem dividir o endereço

Tô num momento meio, assim, querendo pensar a dois
O meu tempo de solteiro já foi, sabe por quê?
Eu tô querendo dividir o travesseiro
E o egoísmo, quero repartir ao meio
Trocar metade de um abraço por inteiro
E digo logo que nada de passageiro
Eu quero me aquietar

Com alguém que possa me esperar pra um simples jantar
Daqueles que a gente nem prеcisa combinar
Que seja simples е barato, ou num restaurante caro
Mas que ela tenha sempre o mesmo brilho no olhar
Se acaso estiver, foi mais que um bom começo
Porque achei com quem dividir o endereço

Com alguém que possa me esperar pra um simples jantar
Daqueles que a gente nem prеcisa combinar
Que seja simples е barato, ou num restaurante caro
Mas que ela tenha sempre o mesmo brilho no olhar
Se acaso estiver, foi mais que um bom começo
Porque achei com quem dividir o endereço

Tô num momento meio, assim, querendo pensar a dois

Composição: Anderson Rocha
Enviada por emers0n007. Legendado por Sophia.
Viu algum erro? Envie uma revisão.

Posts relacionados

Ver mais no Blog


Mais músicas de Zé Vaqueiro

Ver todas as músicas de Zé Vaqueiro