Batendo Na Porta do Céu

Zé Ramalho

Mãe, tire o distintivo de mim
Que eu não posso mais usá-lo
Está escuro demais pra ver
Me sinto até batendo
Na porta do céu

Bate, bate, bate
Na porta do céu
Bate, bate, bate
Na porta do céu

Bate, bate, bate
Na porta do céu
Bate, bate, bate
Na porta do céu

Mãe, guarde esses revólveres pra mim
Com eles nunca mais vou atirar
A grande nuvem escura já me envolveu
Me sinto até batendo
Na porta do céu

Bate, bate, bate
Na porta do céu
Bate, bate, bate
Na porta do céu

Bate, bate, bate
Na porta do céu
Bate, bate, bate
Na porta do céu

Bate, bate, bate
Na porta do céu
Bate, bate, bate
Na porta do céu

Bate, bate, bate
Na porta do céu
Bate, bate, bate
Na porta do céu

Composição: Bob Dylan
Legendado por micael e Felipe. Revisões por 3 pessoas.
Viu algum erro? Envie uma revisão.

Posts relacionados

Ver mais no Blog