Hana Furumai

Wagakki Band

Original Tradução Original e tradução
Hana Furumai

Hanabira ga kusuri to warau yurete mawari ochite yukue shirezu

Michibata ni saiteta shiroi chiisana hana hitotsu
Dare hitori namae mo kaori sura shiranu mama
Oobanburumai yume to kitai o hana ni yose
Kagayaita sono mi o nigirishime kakedashita

Demo hontou wa kono te o nigirishimete hoshii
Demo hontou ni omoi ga kanau koto ga areba
Horane horane mune no kodou ga
Kasoku shiteku kuusou na no ni
Hiifuu mii yoo itsu kotae ga miete kuru?

Hanabira ga kusuri to warau me o soraseba kareta hana no mukuro
Hanabira ga fuwari to ochiru yureta kokoro no suki umeru you ni
Hanabira ga kusuri to warau yume utsutsu no naka de mogaku watashi
Hanabira ga kururi to soyogu uragaeshi no kono shigusa
Koigokoro nosete chirite yuku hanafurumai

Semishigure afureta ano hi anata wa furimuite
Kirameita sono me de kokoro inuita no desu
Sono hi kara watashi wa atsui kimochi o mune ni hime
Yuudachi o abite wa hoteri samashite ita

Demo hontou wa kono mi o tsuyoku daite hoshii
Demo hontou ni nozomi ga kanau koto ga areba
Horane horane mune no kodou ga
Kasoku shiteku kuusou na no ni
Hiifuu mii yoo itsu watashi o mite kureru?

Hanabira ga kusuri to warau me o soraseba kareta hana no mukuro
Hanabira ga fuwari to ochiru yureta kokoro no suki umeru you ni
Hanabira ga kusuri to warau yume ustutsu no naka de mogaku watashi
Hanabira ga kururi to soyogu urakaeshi no kono shigusa
Koigokoro nosete chirite yuku hanafurumai

Hanabira harahara chiru you ni mabuta ga harahara nure soboru
Kagerou kurakura yurameite shisen ga kurakura kuruwaseru
Hana o taori ubai sasageru

Hanabira ga kusuri to warau me o soraseba kareta hana no mukuro
Hanabira ga fuwari to ochiru yureta kokoro no suki umeru you ni
Hanabira ga kusuri to warau yume ustutsu no naka de mogaku watashi
Hanabira ga kururi to soyogu urakaeshi no kono shigusa
Koigokoro nosete chirite yuku hanafurumai
Yureru hanabira itsuka negai o douka todokete shimau hitohira

A Conduta das Flores

As pétalas riem em escárnio, tremulam giram, caem e seu paradeiro é desconhecido

Uma pequena flor branca florescia sozinha na beira da estrada
Sem que ninguém sequer conhecesse seu nome ou seu perfume
Num banquete esplêndido, eu ofereci meus sonhos e esperanças à flor
Segurei firme seu corpo reluzente e saí correndo

Mas a verdade é que eu quero que você segure firme a minha mão
Mas de verdade, se este sentimento puder ser realizado
Olha, olha, a pulsação em meu peito
Está acelerada, embora seja só uma fantasia
Um, dois, três, quatro, cinco, a resposta vai aparecer?

As pétalas riem em escárnio, se você desviar o olhar verá a casca da flor murcha
As pétalas caem suavemente, e parecem preencher as brechas em meu coração abalado
As pétalas riem em escárnio, e eu me debato em meio a um transe
As pétalas adejam em círculos, fazendo este gestos ao contrário
Carregando o amor e então caindo, a conduta das flores

Naquele dia repleto pelo canto das cigarras, você se virou para mim
E atravessou meu coração com seus olhos brilhantes
Desde aquele dia, eu guardei em meu peito este sentimento caloroso
Eu me banhei na chuva noturna e resfriei o calor

Mas a verdade é que eu quero que você abrace meu corpo com força
Mas de verdade, se meu desejo puder ser realizado
Olha, olha, a pulsação em meu peito
Está acelerada, embora seja só uma fantasia
Um, dois, três, quatro, cinco, você pode olhar pra mim?

As pétalas riem em escárnio, se você desviar o olhar verá a casca da flor murcha
As pétalas caem suavemente, e parecem preencher as brechas em meu coração abalado
As pétalas riem em escárnio, e eu me debato em meio a um transe
As pétalas adejam em círculos, fazendo este gestos ao contrário
Carregando o amor e então caindo, a conduta das flores

Como pétalas que caem ansiosamente, minhas pálpebras ansiosamente se enchem d'água
A névoa de calor se agita vacilante, minha vista vacilante vai à loucura
Eu arranco a flor, a roubo e a ofereço a você

As pétalas riem em escárnio, se você desviar o olhar verá a casca da flor murcha
As pétalas caem suavemente, e parecem preencher as brechas em meu coração abalado
As pétalas riem em escárnio, e eu me debato em meio a um transe
As pétalas adejam em círculos, fazendo este gestos ao contrário
Carregando o amor e então caindo, a conduta das flores
Eu lhe peço que um dia você envie uma única pétala oscilante

Composição: Kiyoshi Ibukuro
Enviada por TheBard e traduzida por TheBard.
Viu algum erro? Envie uma revisão.

Posts relacionados

Ver mais no Blog


Mais músicas de Wagakki Band

Ver todas as músicas de Wagakki Band