Abrindo o Coração

Villa Baggage

Pois é
Queria tanto, ultimamente, falar sobre isso
Sei que ando meio estranho e até admito
Se for ver tá tudo bem, tá tudo lindo!
Mesmo assim não tô conseguindo sorrir

Não é que eu queira comparar você com outra pessoa
Sei que o tempo não para, o tempo voa
Então melhor eu ser sincero e te deixar voar
Bater as asas e dar esse amor a quem mereça ganhar
A quem mereça ganhar

Porque eu nunca fui do tipo que puxa a cadeira pra você sentar
E abrir a porta do carro pra você entrar
Eu não sou desse tipo não
Mas tô sendo sincero e abrindo o coração

Vai ver eu não mereça alguém tão dedicada assim
E pode ser que eu pague esse meu erro lá no fim
Eu não sou desse tipo não
Mas tô sendo sincero e abrindo o coração!
Vai doer mas vai passar
Desculpa te falar

Pois é
Queria tanto, ultimamente, falar sobre isso
Sei que ando meio estranho e até admito
Se for ver tá tudo bem, tá tudo lindo!
Mesmo assim não tô conseguindo sorrir

Não é que eu queira comparar você com outra pessoa
Sei que o tempo não para, o tempo voa
Então melhor eu ser sincero e te deixar voar
Bater as asas e dar esse amor a quem mereça ganhar

Porque eu nunca fui do tipo que puxa a cadeira pra você sentar
E abrir a porta do carro pra você entrar
Eu não sou desse tipo não
Mas tô sendo sincero e abrindo o coração

Vai ver eu não mereça alguém tão dedicada assim
E pode ser que eu pague esse meu erro lá no fim
Eu não sou desse tipo não
Mas tô sendo sincero e abrindo o coração!
Com Villa Baggage

Porque eu nunca fui do tipo que puxa a cadeira pra você sentar
E abrir a porta do carro pra você entrar
Eu não sou desse tipo não
Mas tô abrindo o coração

Tão dedicada assim
E pode ser que eu pague esse meu erro lá no fim
Eu não sou desse tipo não
Mas tô sendo sincero e abrindo o coração!
Vai doer mas vai passar
Desculpa te falar
Pois é

Composição: Gui Artioli / Nuto Artioli
Enviada por jg88. Legendado por Caroline. Revisão por Franciele.
Viu algum erro? Envie uma revisão.

Posts relacionados

Ver mais no Blog