Meu Brasil

Vicente Celestino

A minha terra
tesouros mil no seio encerra
E linda e pura
como no mundo não existe igual
Tanta fartura
A natureza, o céu a reflorir
Tem a ventura
tem o condão de seduzir
(tem o condão de seduzir)
A minha terra
tesouros mil no seio encerra
Mulher amada
abençoada por seu povo
No Mundo Novo
não há quem tenha tal fulgor
Tanta riqueza
tanto encanto e tanto amor

Diante de ti, Brasil
meu céu azul, de anil
não há no mundo alguém
que não te queira bem
A natureza jogou em ti em luz
tanta beleza
que ninguém pode admirar
sem se ajoelhar
Diante de ti, Brasil
meu céu azul, de anil
não há no mundo alguém
que não te queira bem
A natureza jogou em ti sem ver
tanta beleza
que ninguém pode entender
Meu Brasil de um céu de anil!

Composição: Olegário Mariano / Pedro de Sá Pereira
Enviada por Cesar.
Viu algum erro? Envie uma revisão.

Posts relacionados

Ver mais no Blog


Mais músicas de Vicente Celestino

Ver todas as músicas de Vicente Celestino