If I Forgive Myself

Vandroya

Original Tradução Original e tradução
If I Forgive Myself

Would the sun shine with more colors
Or the flowers have more scent?
Would the clouds pass unnoticed
If I cross those paths again?
Would I build the castle, would I bet on that old dream?
Would I taste the sweetest apple full of life instead of sin?

And I know I'll try
Even though I can't forget the many tears I’ve cried
Look up high, above the sky
Even though I cannot see the shine of the brighter star
I am not the same, I learned the hard way
I have to go on

Candlelight, dancing flames in a stormy cold night
None first time will be the last chance
I will learn to fight
And I've got to hold on tight
If I only knew before
And if I forgive myself

Maybe I have been forgotten like that muse of that old song
Tantrum of an infant, maybe right or maybe wrong
Strange old recollection of my hands in a bare ground
When I was young and strong to carry on
Striving to belong

And I'll try to look up high
For all those years when days were night and many times I’ve died
Cause I know how to survive
For all those tears, for all the fear
For a better tomorrow
For yesterday I'll try

Candlelight, dancing flames in a stormy cold night
None first time will be the last chance
I will learn to fight
And I've got to hold on tight
If I only knew before
And if I forgive myself

For all the tough roads
For the dust I bring with me
Like a memory, walking astray
All the scars and pain for yesterday
Still remind me what made the deepest cut
It's been a long way

Candlelight, dancing flames in a stormy cold night
None first time will be the last chance
I will learn to fight
And I've got to hold on tight
If I only knew before
And if I forgive myself

Se Eu Me Perdoar

O Sol brilharia com mais cores
Ou as flores têm mais perfume?
As nuvens passariam despercebidas
Se eu cruzar esses caminhos novamente?
Eu construiria o castelo, eu apostaria aquele velho sonho?
Eu provaria a maçã mais doce, cheia de vida, em vez de pecado?

E eu sei que vou tentar
Embora não consiga esquecer as muitas lágrimas que chorei
Olhe para cima, acima do céu
Embora eu não consiga ver o brilho da estrela mais brilhante
Eu não sou o mesmo, eu aprendi do jeito mais difícil
Eu tenho que continuar

Luz de velas, chamas dançantes em uma noite fria e tormentosa
Nenhuma primeira vez será a última chance
Vou aprender a lutar
E eu tenho que segurar firme
Se eu soubesse antes
E se eu me perdoar

Talvez tenha sido esquecido, como aquela musa daquela velha canção
Birras de uma criança, talvez certo ou talvez errado
Esquisita lembrança das minhas mãos em um terreno nu
Quando eu era jovem e forte para continuar
Esforçando-se para pertencer

E eu vou tentar olhar para o alto
Por todos aqueles anos em que dias eram noite e muitas vezes morri
Porque eu sei como sobreviver
Por todas aquelas lágrimas, por todo o medo
Para um futuro melhor
Por ontem, vou tentar

Luz de velas, chamas dançantes em uma noite fria e tormentosa
Nenhuma primeira vez será a última chance
Vou aprender a lutar
E eu tenho que segurar firme
Se eu soubesse antes
E se eu me perdoar

Para todas as estradas difíceis
Pela poeira que eu trago comigo
Como uma lembrança, andando por aí
Todas as cicatrizes e dor por ontem
Ainda me lembra o que fez o corte mais profundo
Tem sido um longo caminho

Luz de velas, chamas dançantes em uma noite fria e tormentosa
Nenhuma primeira vez será a última chance
Vou aprender a lutar
E eu tenho que segurar firme
Se eu soubesse antes
E se eu me perdoar


Dicionário de pronúncia

Ver mais palavras

Posts relacionados

Ver mais no Blog