End Of An Empire

Turisas

Original Tradução Original e tradução
End Of An Empire

The time is here
Time to be brave, while others fear
Fear the stars, the moon and the holy ghost
It's what lurks in the dark that scares us the most

You're damned if you do, you're damned if you don't
What tomorrow brings is still the unknown
But can you condone? how to atone?

I'm so alone
How can i know i won't bemoan?
Every tale, needs its star and knave
Which part i play is yet to be unveiled

History: just what's agreed
Yet it will judge both you and me
Shields and swords, will win you wars
But in the end, the battle's for our hearts
Fought by bards

You look back in time
No one heard the bells chime
You wonder how
How could they this allow?

Exactly the same
Are the questions aimed your way
When looking back on today

The time is here
Time to be brave, let others fear
We know the walls will fall
But out of the ashes a new day will dawn

We've enslaved the world
We have slaughtered, we've burned
All, in the name of our faith

Only a fool would except
Others to settle for anything less
The tide is about to turn

The sea has pulled away
Like small children we play
What is this?
Come take a look at all these fish!

As long as you spend
There is more for you to lend
Someone always saves us in the end

The time is here
Time to be brave, let others fear
We know the walls will fall
But out of the ashes a new day will dawn

We've enslaved the world
We have slaughtered, we've burned
All, while knowing what is best

Might take a year or ten,
Generations of men,
We've passed the point of no return

Fifty-three days in fifty-three
Fifty-three steps for you to acknowledge your defeat

The last in line: ultimus romanorum
Evolution through revolution
A frozen river, enough to tip an empire

Stalingrad, waterloo, bastille, poltava, stamford bridge,
At manzikert - it all would end.

Tough are times ahead
With care you tread
Before you know
Out we need to bow

Enjoy it while it lasts
Soon forgotten in the past
Our time here ended so fast

Open your eyes
Yourself apprise
All empires find their demise
The taller they are, the harder they fall
The snowball
Is on the roll

Open your eyes
Yourself apprise
New powers are on the rise
So strong is our faith, (in that) the world stays as is
Until it hits, like shattering glass to bits

How did this happen?
How could this happen?
How could the empire fall?

Fim de Um Imperio

O momento é agora
Hora de ser corajoso, enquanto outros temem
Temem as estrelas, a lua e do Espírito Santo
É o que se esconde na escuridão que nos assusta mais

Você será amaldiçoado o fazer e estará condenado se não fazer
O amanhã traz ainda é o desconhecido
Mas você pode perdoar? Como expiar?

Eu estou tão sozinho
Como posso saber se não vou lamentar?
Cada conto, precisa de sua estrela e servente
Qual parte do meu jogo ainda está para ser revelado

História: apenas o que está acordado
No entanto, julgará tanto eu e você
Escudos e espadas, você vai ganhar guerras
Mas no final, a batalha é para os nossos corações
Lutando pelos bardos

Você olha para trás no tempo
Ninguém ouviu os sinos
Você quer saber como
Como eles poderiam permitir isto?

Exatamente as mesmas
São as perguntas visando o seu caminho
Ao olhar para trás hoje

O momento é agora
Hora de ser corajoso, deixar que os outros temam
Sabemos que as paredes vão cair
Mas das cinzas um novo dia vai amanhecer

Nós fomos escravizados pelo mundo
Abatidos, nós queimamos
Todos, em nome da nossa fé

Somente um tolo, exceto
Outros que se contentar com qualquer coisa
A maré está prestes a virar

O mar se afastou
Como crianças pequenas nós brincamos
O que é isso?
Venha dar uma olhada em todos esses peixes!

Enquanto mais você gasta
Há mais para você emprestar
Há sempre alguém que nos salva no fim

O momento é agora
Hora de ser corajoso, deixar que os outros temem
Sabemos que as paredes vão cair
Mas das cinzas um novo dia vai amanhecer

Nós fomos escravizados pelo mundo
Nós abatidos, nós queimamos
Todos, ao mesmo tempo saber o que é melhor

Pode demorar um ano ou dez,
Gerações de homens,
Nós passamos o ponto sem retorno

Cinquenta e três dias em 53
Cinquenta e três passos para você reconhecer a sua derrota

O último da fila: Ultimus Romanorum
Evolução por meio da revolução
Um rio congelado, o suficiente para derrubar um império

Stalingrad, Waterloo, Bastille, Poltava, Stamford Bridge,
At Manzikert - tudo acabaria

Resistentes são vezes à frente
Com cuidado, você pisa
Antes que você saiba
Que precisa se curvar

Aproveite enquanto dura
Logo esquecida no passado
Nosso tempo aqui terminou tão rápido

Abra seus olhos
Informar-se
Todos os impérios encontrar sua morte
O mais alto que eles são, mais duramente caem
A bola de neve
Está no rolo

Abra seus olhos
Informar-se
Novos poderes estão em ascensão
Tão forte é a nossa fé, (em que) o mundo permanece como é
Até que ela atinge, como vidro quebrando em pedaços

Como isso aconteceu?
Como isso pôde acontecer?
Como poderia o império cair?

Composição: Mathias Nygård
Enviada por Luiz e traduzida por Octavios.
Viu algum erro? Envie uma revisão.

Dicionário de pronúncia

Ver mais palavras

Posts relacionados

Ver mais no Blog