Down From The Sky

Trivium

Original Tradução Original e tradução
Down From The Sky

A chasm grows
In the cavity of serpentine teeth
Hunger pangs strike
For the sweet feast of innocent blood
Of innocent bloodshed
Now here we go

The vampires feed off the wars of mankind

Growing fat on the throne of an empire
Tyrant rules with the threat of a great fire

I've opened up my eyes
Seen the world for what it's worth
Tears rain down from the sky
They'll blow it all to bits
To prove whose god wields all the power
Fire rains down from the sky

The gaping wounds
Hemorrhaging the blood from which they feast
Eat us alive
Consume to feed a hunger with no
A hunger with no end
Let's fucking go

Down From The Sky

The vampires feed off the wars of mankind

Growing fat on the throne of an empire
Tyrant rules with the threat of a great fire

I've opened up my eyes
Seen the world for what it's worth
Tears rain down from the sky
They'll blow it all to bits
To prove whose god wields all the power
Fire rains down from the sky

This battle's not the same which they have led us to believe
A synthesis of propaganda, terror and deceit
We are the cattle; they the slaughter; our meat: gasoline

They pump us through the machine's valves to cleanse the world's "disease"
We are the ammunition that will cause all life to cease

Annihilate
All those who stand in their way
Obliterate
They'll rain their holocaust down from the sky

The vampires feed off the wars of mankind

Growing fat on the throne of an empire
Tyrant rules with the threat of a great fire

I've opened up my eyes
Seen the world for what it's worth
Tears rain down from the sky
They'll blow it all to bits
To prove whose god wields all the power
Fire rains down from the sky

Annihilate

All those who stand in their way
Obliterate
They'll rain their holocaust down from the sky

Caindo do Céu

Um abismo cresce
Na cavidade de dentes serpentinos
Dores de greve de fome
Para a festa doce de sangue inocente
De derramamento de sangue inocente
Agora, aqui vamos nós

Os vampiros alimentam-se das guerras da humanidade

Engordando no trono de um império
Tiranos governam com a ameaça de um grande incêndio

Eu abri meus olhos
Vendo o mundo para o que vale a pena
Lágrimas chovem do céu
Eles vão explodir tudo aos pedaços
Para provar qual Deus exerce todo o poder
Fogo chove do céu

As feridas abertas
Perdendo o sangue do qual se banqueteiam
Coma-nos vivos
Consumir para alimentar uma fome
Uma fome sem fim
Vamos lá caralho

Caindo do céu

Os vampiros alimentam-se das guerras da humanidade

Engordando no trono de um império
Tiranos governam com a ameaça de um grande incêndio

Eu abri meus olhos
Vendo o mundo para o que vale a pena
Lágrimas chovem do céu
Eles vão explodir tudo aos pedaços
Para provar qual Deus exerce todo o poder
Fogo chove do céu

Esta batalha não é a mesma que eles nos levaram a acreditar
Uma síntese de propaganda, terror e engano
Somos o gado, eles o abatedor; nossa carne: gasolina

Eles bombeiam-nos através das válvulas da máquina para limpar a "doença " do mundo
Nós somos as munições que irão acabar com toda a vida

Aniquilar
Todos aqueles que se encontram no seu caminho
Eliminar
Eles irão chover seu holocausto do céu

Os vampiros alimentam-se das guerras da humanidade

Engordando no trono de um império
Tirano governam com a ameaça de um grande incêndio

Eu abri meus olhos
Vendo o mundo para o que vale a pena
Lágrimas chovem do céu
Eles vão explodir tudo aos pedaços
Para provar qual Deus exerce todo o poder
Fogo chove do céu

Aniquilar

Todos aqueles que se encontram no seu caminho
Eliminar
Eles irão chover seu holocausto do céu

Composição: Trivium
Enviada por Luciane. Legendado por Stoopid e Matheus. Revisões por 3 pessoas.
Viu algum erro? Envie uma revisão.

Dicionário de pronúncia

Ver mais palavras

Posts relacionados

Ver mais no Blog