L'Italiano

Toto Cotugno

Original Tradução Original e tradução
L'Italiano

Lasciatemi cantare
Con la chitarra in mano
Lasciatemi cantare
Sono l'italiano

Buongiorno Italia gli spaghetti al dente
E un partigiano come Presidente
Con l'autoradio sempre nella mano destra
E un canarino sopra la finestra
Buongiorno Italia con I tuoi artisti
Con troppa America sui manifesti
Con le canzoni con amore
Con il cuore
Con piu' donne sempre meno suore
Buongiorno Italia
Buongiorno Maria
Con gli occhi pieni di malinconia
Buongiorno Dio
Lo sai che ci sono anch'io

Lasciatemi cantare
Con la chitarra in mano
Lasciatemi cantare
Una canzone piano piano
Lasciatemi cantare
Perche' ne sono fiero
Sono l'italiano
L'italiano vero

Buongiorno Italia che non si spaventa
E con la crema da barba alla menta
Con un vestito gessato sul blu
E la moviola la domenica in TV
Buongiorno Italia col caffe' ristretto
Le calze nuove nel primo cassetto
Con la bandiera in tintoria
E una 600 giu' di carrozzeria
Buongiorno Italia
Buongiorno Maria
Con gli occhi pieni di malinconia
Buongiorno Dio
Lo sai che ci sono anch'io

Lasciatemi cantare
Con la chitarra in mano
Lasciatemi cantare
Una canzone piano piano
Lasciatemi cantare
Perche' ne sono fiero
Sono l'italiano
L'italiano vero

La la la la la la la la

Lasciatemi cantare
Con la chitarra in mano
Lasciatemi cantare
Una canzone piano piano
Lasciatemi cantare
Perche' ne sono fiero
Sono un italiano
Un italiano vero

O Italiano

Deixe-me cantar
Com o violão na mão
Deixe-me cantar
Sou um italiano

Bom-dia Itália, com o espaguete al dente
E um membro da resistência como Presidente
Com um radinho de pilha sempre na mão direita
E um canário acima da janela
Bom dia Itália com os teus artistas
Com muita America sobre os anúncios
Com as canções com amor
Com o coração
Sempre com mais mulheres menos freiras
Bom dia Itália
Bom dia Maria
Com os olhos cheios de melancolia
Bom dia Deus
Sabe que eu existo também

Deixe-me cantar
Com o violão na mão
Deixe-me cantar
Uma canção bem devagar
Deixe-me cantar
Pois sou orgulhoso disso
Sou um italiano
Um italiano de verdade

Bom dia Itália que não se espanta
E com o creme de barba mentolado
Com um terno terno risca de giz azul
E as reprises domingo na TV
Bom dia Itália com o café ristretto
As meias novas na primeira gaveta
Com a bandeira na lavanderia
E um Fiat 600 baixo de carroceria
Bom dia Itália
Bom dia Maria
Com os olhos cheios de melancolia
Bom dia Deus
Sabe que eu existo também

Deixe-me cantar
Com o violão na mão
Deixe-me cantar
Uma canção bem devagar
Deixe-me cantar
Pois sou orgulhoso disso
Sou um italiano
Um italiano de verdade

La la la la la la la la

Deixe-me cantar
Com o violão na mão
Deixe-me cantar
Uma canção bem devagar
Deixe-me cantar
Pois sou orgulhoso disso
Sou um italiano
Um italiano de verdade

Composição: Cristiano Minellono / Salvatore Cutugno
Revisões por 4 pessoas.
Viu algum erro? Envie uma revisão.

Posts relacionados

Ver mais no Blog


Mais músicas de Toto Cotugno

Ver todas as músicas de Toto Cotugno